28 de jun de 2016

Like a Couple? - Chapter Sixteen




No meio de seu banho Arthur para, suspira e se lembra de como havia sido a despedida deles no aeroporto.

“_Já chamaram meu voo, hora de ir...-Ela murmura tristemente.

_Não se esqueça de me ligar todos os dias!-Ele adverte.

_Eu volto logo-Ela afirma um pouco para ele e até mesmo para si.

_Bom mesmo, agora vá-Ele a incentiva, pois sabe que ela só está enrolando para prolongar o momento.

_Duas semanas...-Ela diz e vai em direção ao portão de embarque.  “Ele sorri e observa o caminho que ela seguiu.”

A última frase repetida em seu pensamento o acalma completamente e é nisso que ele decide focar.

...

Lua já havia sido buscada no aeroporto e no momento estava no banco traseiro do carro de Madalena conversando com a mesma.

_Menina Lua, sua mãe é muito teimosa.-A senhora diz.

_Mas é justamente por isso que eu vim, para que ela cumpra o seu repouso corretamente e para que você possa voltar para os seus afazeres na sua casa...-Lua afirma.

_Eu sei, fico muito feliz que tenha vindo e sei que sua mãe também vai ficar!

_Espero que sim, estava morrendo de saudades dela e vou poder tanto cuidar quanto passar um tempo junto com ela-Lua explica esperançosa.

...

_Mãe-Lua chama ao entrar no quarto dela, sorri a encontrando na cama.

_Lua, minha filha...-Maria Claudia sorri, se senta na cama e abre os braços para abraçar a filha.

_Como a senhora está?-Lua pergunta preocupada.

_Ótima, pronta para sair desse repouso-Maria Claudia diz fingindo que está completamente bem.

_Nem tente me enganar, esse rostinho cansado diz tudo. Pode descansar que eu e Madalena vamos preparar seu almoço, porque fiquei sabendo que a senhora disse que me esperaria chegar-Lua ordena, dá um beijo na testa da mãe e vai para a cozinha.

...

Na cozinha Madalena conta exatamente o que aconteceu para Lua.

_ Sua mãe começou a ter muitas dores, o que é normal para a idade... Mas não o grau de dor que ela estava sentindo. Foi aí que descobri que ela estava fazendo coisas demais aqui na casa e deixava a empregada na farra.

_Você quer dizer que minha mãe fazia todo o trabalho de Fernanda e ela passava o dia todo sem fazer nada?-Lua questiona incrédula.

_Você está surpresa como eu também fiquei quando descobri isso-Madalena comenta e dá um sorriso fraco.

_Estou tão mal por isso, o que minha mãe queria se arriscando?-Lua ponderou.

_ Eu também adoraria saber, ah, tem mais ainda...

_Mais o que?

_Sua mãe não havia me deixado ligar para você antes, ela passou um tempo no hospital e foi de lá que quis te ligar. Só não fiz por compreendê-la e por ter pensado que ela não queria que você a visse fraca e doente-Madalena confessa.

_Se você pensou, então esse não era o motivo?-Lua questiona.

_Não, a danada não queria que você voltasse porque sabia que você iria coloca-la nas rédeas e fazê-la cumprir o repouso certinho.

_Entendo, eu percebi como ela está doidinha para sair do repouso...-Lua confirma.

_Isso mesmo, mas com você aqui tudo vai sair bem. Vamos cozinhar?-Madalena põe um fim no assunto e as duas começam a fazer uma sopa para o almoço.

....

Arthur já havia voltado da faculdade, teve um dia mais que tumultuado por causa dos trabalhos que tinha que fazer para entregar e também pelo Cognoscenti que esteve superlotado o dia todo. Ele finaliza mais um trabalho, fecha o notebook e pensa na saída que todos do Café tinham combinado. Resolveu que iria, foi se arrumar e a cada vez que seu celular tocava ia atrás dele e se decepcionava por não ser uma ligação da Lua, mas só uma notificação de alguma rede social. Ele desceu para o estacionamento, pegou o carro e dirigiu para o barzinho onde iria com seus amigos.

***

Estou orgulhosa de mim mesma, pois estou sendo uma autora linda que está cumprindo sua promessa e aqui está mais um capítulo. Eu ando pensando sobre a fanfic "In the future...?", acho que não irei continuá-la, o que vocês acham? Espero que vocês tenham gostado, beijinhos!

2 comentários:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo