26 de jul de 2015

Amor Sombrio: 3 Capítulo.

Capitulo 3
Amor Sombrio


Olhei para Arthur, que deu de ombros. Voltei meu olhar para Bella, seus olhos estavam brilhando por conta das lagrimas que continham.
-Oi meu anjo.
Ela olhou para o pai e depois para mim, estava com o urso que Sophia havia dado  no Natal passado, Bella lhe deu o nome de Teddy  (Clássico).
-Vocês estavam brigando mamãe?
Eu ia responder só que Arthur foi mais rápido, se aproximou e a pegou no colo. Um braço ela arrodeou o pescoço dele, e o outro, segurava o urso firmemente  perto do seu corpinho.
_ Não Bella, não estávamos discutindo. A mamãe e eu estávamos apenas... Conversando, é coisa de adulto.
-Mentira, você estavam discutindo por causa do que aconteceram com a Bel, vocês me culpam não é?
Olhei espantada para a pequena, de onde havia tirado aquela ideia absurda?
- De onde tirou isso querida? Você não tem culpa de nada.
Ela me analisou com os olhinhos escuros, ela não acreditou, mais era verdade, ninguém teve culpa a não ser o demônio.
- Vocês juram?
-Nós juramos- Respondeu Arthur  e eu ao mesmo tempo.
- Eu... Vocês acham que a Bel vai voltar?
Eu  tinha medo da resposta, não adiantaria eu dizer que sim, sabendo que não poderia acontecer. Então respondi uma coisa de que eu tinha certeza.
_ Eu não sei Bella, eu não sei. – Era a pura verdade, eu não sábia. Isabel poderia  ser um demônio agora, ou pior, ela poderia está morta.
Não consegui evitar que as lágrimas inundassem meus olhos, dei as costas para ambos, e fui para o jardim, meu coração estava em pedaços. Eu daria qualquer coisa para ter a minha filha de volta, até a minha própria vida.

Quero comentários, estou me esforçando. Vocês  pediram uma sinopse, eu postei junto com um aviso.

4 comentários:

  1. Bem diferente essa web! To gostando muito! Posta maissssss
    Anita :)

    ResponderExcluir
  2. Posta maaaaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiisssssss

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo