31 de mar de 2015

19 - Por favor, me ajude! - Últimas semanas.

Boa leitura meus amores! :*


O dia havia chegado, tão rápido... Lua diria que fora num piscar de olhos, não havia pregado o olho durante toda a madrugada, seu corpo estava na sala, mas seus pensamentos no quarto, tudo o que tinha acontecido, ficava passando como um filme em sua cabeça, se arrependimento matasse, ela já deveria estar a sete palmos debaixo da terra.

               Durante a madrugada ela também pensou, em como contaria a verdade para o seu pai, ela estava disposta a sair da casa de Arthur naquele mesmo dia, ela estava com tanta vergonha, estava se sentindo uma boba... Como ela conseguiu mentir assim por tanto tempo? Ela precisava dar um basta nisso... Agora ela entendia o porque de Arthur não querer se envolver com ela... Ele não queria se apaixonar, ele sabia que isso iria acontecer, mas ela não quis ouvir, então... Acabou ai, toda arrependida e pra baixo, isso é péssimo.

...
               Arthur estava se sentindo um lixo, ele não deveria ter ficado calado, ele devia ter dito alguma coisa pra ela... Agora ficaria um clima péssimo entre os dois. – pensava ele.

               Assim que ele acordou, foi fazer sua higiene matinal e quando estava prestes a ir atrás de Lua o celular dele toca...

– Bom diaaaa! – A voz alegre da mãe dele atravessou o telefone.

               Arthur bocejou e então a respondeu.

– Bom dia! – Um ‘ Bom dia ‘ bem desanimado, para ela, ele não precisava fingir estar feliz.

– O que aconteceu, amor? – “Amor”, porque as pessoas tem que amar? Amar é uma droga!

– Nada mãe... O que foi? – Ele já sabia que o dia iria ser difícil, então não precisava ficar de bom humor.

– Nossa... – Ela suspirou. – Quero que você e a Lua venham pra cá pra casa, afinal... Amanhã é o meu aniversário! –  Kátia disse. Arthur mordeu o lábio e viu que talvez ele tivesse uma oportunidade de se desculpar com Lua. – Não aceito um não como resposta.

– Okay, nós vamos! – Declarou ele com um meio sorriso nos lábios.

               Como ele falaria com a Lua eu não sei, só sei que as ideias deles eram totalmente opostas.

               Ele queria se desculpar e dizer que a amava como uma amiga e ela queria sumir da vida dele para nunca mais vê-lo.

...

– Bom dia! – Arthur disse enquanto descia as escadas do seu duplex.

– Bom dia! – Respondeu Lua desanimada... Ela não escondeu o quanto estava chateada com ele, mas também não era nenhuma mal educada.

– Minha mãe nos fez um convite! – Avisou ele, Lua deu de ombros... Ela não iria a lugar algum com ele.

– Será que você pode me levar pra casa dos meus pais? – Ela não queria que ele a levasse, só falou pra poder falar que o teatrinho de ele ser o pai do bebê dela já tinha acabado e que ela não precisava mais da ajuda dele.

– Pra que? – Ele foi se sentar ao lado dela.

– Eu vou voltar pra casa deles! – Arthur bufou.

– Para de graça, se foi por causa de ontem... – Lua o interrompeu.

– Iiih, nem vem... Eu já decidi! – Declarou ela se levantando.

– Não, agora não é só você quem decide as coisas, Lua... Minha mãe acha que nós estamos bem, se nós nos separarmos agora ela vai achar que eu sou um covarde... – Lua o interrompeu de novo
.
– Te achar um covarde porque? Você não é o pai dessa criança! – Disse ela indiferente, por mais que não parecesse Arthur queria sentir algo a mais por Lua, mas ele não conseguia, ele iria a vê-la sempre como uma AMIGA.

– Eu não vou discutir com você, você me deve uma! – Lua revirou os olhos e assentiu.

               Ela não estava preparada para enfrentar seus pais, então qualquer que fosse o convite da dona Kátia ela aceitaria.

– Tá, qual foi o convite? – Perguntou ela passando a mão pela barriga.

– Passarmos o fim de semana na casa dos meus pais. – Deu um meio sorriso, Lua deu de ombros.

– Tá, mas eu fico com a cama! – Arthur limpou a garganta.

– Acho que você precisa parar de gracinha! – Ele falou.

– E eu acho que já perdi toda a minha paciência! – E subiu as escadas...

[...]


************

O capítulo tá pequeno mas, antes pequeno do que nenhuma atualização, né?! 
Me desculpem por não estar postando com tanta frequência, mas na escola tá super puxado... Enfim, me desculpem qualquer coisa... Beeeêijos! :**                                                                                                          


2 comentários:

  1. Não importa se tá pequeno o q importa e q vc está posando, e eu estou amando

    ResponderExcluir
  2. Não importa se tá pequeno ou não,o importante que vc estar postando
    Continua,to amando a web

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo