28 de set de 2014

9 - Maratona

Boa Leitura!
2\3


– Lua... – Uma voz feminina e sussurrante chama por Lua, tirando-a de seu sono .
– Oi? – Ela responde sem ao menos abrir os olhos.
– Seu pai está no telefone, deseja falar com você! – Lua abriu os olhos rapidamente, não era possível... Seu pai?
– Como? – Ela realmente não estava acreditando, só podia ser um sonho.
– Seu pai! – Dani falou. – A dona Kátia esta falando com ele, é melhor se apressar! – Lua então percebeu que Arthur envolvia seu braço na cintura dela.
Sorriu e se soltou bem devagar para que ele não acordasse.
– Obrigado, Dani! – Lua agradeceu. – Já estou descendo! – Lua foi até o banheiro, escovou os dentes e prendeu os lindos cabelos e desceu para atender seu pai.

...

– Filha, eu não queria ter brigado com você, só estava nervoso! – Billy estava a mas de 20 minutos tentando se desculpar com a filha.
– Tá tudo bem pai... – Ela sorriu, meiga .
– Preciso te ver hoje, venha até aqui... Ou melhor, venham todos vocês... Arthur, Kátia... Vamos almoçar todos juntos! – Lua sorriu com empolgação de seu pai, ela estava tão empolgada quanto, mas pelo menos conseguia ao menos disfarçar... Já seu pai, nem tanto.
– Claro que vamos, nos espere! – Sorriu. – Eu te amo, pai!
– Eu também te amo, minha filha! – Sorriu.

...

Arthur estava se arrumando para ir ao tal almoço que o pai de Lua havia os convidado. Lua estava no banho e Kátia estava a espera dos dois no andar de baixo.
– Vamos Lua, minha mãe está esperando! – Arthur apressou Lua.
– Calma! – Gritou do banheiro. – Esqueci a toalha, pega pra mim? – Pediu, Arthur revirou os olhos e foi pegar a toalha para ela, assim que o fez foi entregar, bateu na porta e esperou até ela abrir. Ela abriu uma fresta da porta e pôs a mão para fora ele colocou a toalha na mão dela e então assistiu a porta se fechar. – Obrigado! – Agradeceu.
Arthur foi até o closet para tentar escolher uma blusa já que o mesmo era quase uma mulher no quesito: Roupa.

...

Depois de alguns minutos Lua saiu do banheiro, já com o short mas sem a blusa, estava coberta apenas por um sutiã preto com algumas rendas da mesma cor. Foi para frente do espelho e acariciou a barriga, que ainda não estava grande... Mas era visível que isso estava para mudar... Arthur por sua vez ainda escolhia uma blusa mas acabou optando por pedir para Lua escolher uma. Ele voltou-se para o quarto e se escorou no batente da porta do closet, ele estava admirado com a imagem de Lua acariciando a barriga, ele olhou-a pelo reflexo do espelho e pode ver o seu enorme sorriso estampado no rosto, ela então percebeu que estava sendo observada e encarou Arthur pelo espelho ele sorriu e ela também...
– Tudo bem, eu escolho a sua blusa ! – Lua suspirou e caminhou em direção a ele.
– Nossa, você está com uns peitões ! – Mordeu os lábios e Lua gargalhou.
– Arthuuur ! – Ela o repreendeu. – Você é um babaca !
– Posso tocar? – Ele já ia colocando as mãos nos seios de Lua, mas ela deu um tapa em uma delas e então ele recuou. – Nossa... – Fez bico e ela riu.
– Deixa de ser palhaço, vem logo! – Ela entrou no closet e pegou uma camiseta preta com algumas linhas horizontais cinza por toda ela. – Veste isso e vaza ! – Jogou em direção a ele e ele agarrou sorrindo.
Lua não estava achando nada no closet então voltou para o quarto e foi até o guarda-roupas do mesmo, então lá achou uma blusa verde de manga caída... E, estava tudo pronto!

...

– Para de me olhar assim ! – Lua sussurrou quando eles já estavam no carro, Kátia acabou indo na frente já que os dois demoraram quase 2 horas para se arrumar e sair de casa.
– É que só agora eu percebi como você está ficando gostosa ! – Arthur lançou um olhar sedutor pra Lua, que não conseguiu se controlar, caiu na gargalhada... Arthur também riu, mas não tanto quanto ela .
– Para com isso, babaca! – Ela não parou de rir nem por um segundo. – E só pra constar, eu sempre fui gostosa! – lançou uma piscadela pro Arthur que riu e virou o rosto para a pista. – Aah, e parou com as gracinhas, se você fizer alguma palhaçada lá em casa, você vai ver! – Ameaçou.
– O que você vai fazer ? – Perguntou mordendo os lábios. – Eu vou gostar? – Não era possível, o Arthur tinha tirado o dia para atiçar a Lua... Mas com grávidas que estão sensíveis e prontas para dar o bote não é legal fazer esses tipos de brincadeiras.
– É sério, parou! – Ela ficou séria e Arthur fez careta. – Será que a tua mãe já chegou lá? – mudou de assunto.
– Já deve estar até almoçando. – Riu.
– Eles não vão começar sem a gente ! – Informou Lua, enquanto pegava o celular e dava umas olhadinhas nas redes sociais.
– Assim espero porque o transito, tá parado! – Bufou, Lua deu de ombros e voltou a mexer no celular .

...

Depois de quase uma hora trancados dentro de um carro eles enfim, chegaram na casa dos pais de Lua.
– Ai, glória a Deus, já estava começando a ficar enjoada . – Lua avisou quando saiu do carro esperou Arthur sair também para que eles entrassem juntos .
– Quer vomitar? – Ele perguntou fazendo uma careta, ela negou com a cabeça e massageou a barriga.
– Vamos! – pegou a mão de Arthur e eles caminharam até a entrada da casa, quando Arthur estava prestes a tocar a campainha, a porta se abriu... Era Mary, a empregada e ex-babá de Lua.

...

A tarde toda foi maravilhosa, cheia de risadas, brincadeiras.... Muitas coisas foram resolvidas e tudo estava como era antes, só que com algumas mudanças... Mudanças muito boas por sinal.
– Nossa, Cláudia em toda essa semana que eu passei com eles eu nunca vi eles se beijando... É incrível! – Kátia falou para Cláudia que sorriu.
– Eles devem achar que você se incomoda ... Sei lá... – Cláudia deu de ombros.
– Não sei... Lua, Arthur?! – Lua e Arthur que estavam sentados em uma poltrona do outro lado da sala, focados no celular de Lua que tinha algum tipo de jogo viciante pelo qual os dois não conseguiam mas largar.
– Oi? – Atenderam ela em uníssono.
– Se beijem ! – Cláudia olhou para Kátia perplexa, não estava acreditando no que a amiga dissera.
– O que? – Novamente eles falaram juntos, mas agora o celular já não estava mas tirando toda a sua atenção.
– Isso mesmo, se beijem... Eu quero ver ! – Kátia pediu, Lua e Arthur se entreolham um pouco confusos, o que dera nesta mulher para ela pedir tal coisa e tão de repente ?
– Eu sou muito tímida ! – Lua tentou fugir de tal pedido, mas não adiantou.
– Tímida é uma coisa que você não é querida ! – Cláudia deu uma risadinha ao ver a cara que a filha fez.
– Mãe ! – Repreendeu-a
– Beijem-se logo, deixem de frescura! – Kátia pressionou, Lua olhou para Arthur e ele já a olhava... Isso não iria dar certo... Não mesmo!




11 comentários:

  1. Caralhooooo!Meu pobre coração isso não se faz!!!!!!!! Alléxia*

    ResponderExcluir
  2. Posta maiiiis
    Xx Beca

    ResponderExcluir
  3. Posta ++++++++++

    ResponderExcluir
  4. Agora a brincadeira fico seria Kkkk, quero só ver oq eles vão fazer kkkkkkkkkkk
    Xx Mila Mozart

    ResponderExcluir
  5. Ahhhhhh vc quer me matar é??? O.O Viih isso não se faz *O* kkkkk
    Agora vai dar é certooo U.u kkkkkkk *-*
    Huhuhul \Õ/

    ResponderExcluir
  6. Aaaahh q vontade de gritar kkkkk , nossa vc para logo na melhor parte . Eu acho q depois desse beijo muitas coisas vão mudar entre lua e thur , já q o thur está todo safado pro lado da lua Xx adaline

    ResponderExcluir
  7. mirella vasconcelos28/09/2014 22:02

    Amando posta +++++++++++

    ResponderExcluir
  8. PostaaaA ++++ Alléxia *

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo