28 de jul de 2014

37° Unidos por uma criança // DIA DIFÍCIL. PART.1


Boa Leitura! ;)



       Eu subi novamente e fui ver como a Elena estava... A encontrei deitada na cama assistindo televisão então fui até o meu quarto para poder resolver as coisas com o Arthur, afinal... Não é bom ficarmos brigados, até porque nós acabamos de voltar. Entrei no quarto e ouvi o barulho da água do chuveiro. Deduzi que o Arthur tomava banho, me sentei na cama já arrumada pela Emilly e o esperei por alguns minutos, quando ele saiu já saiu vestido e respirou fundo ao me ver. 
- Se veio arrumar briga, não vai conseguir ! - Eu dei um leve sorriso e me levantei indo em sua direção. O dei um selinho e abracei a sua cintura apoiando a minha cabeça em seu ombro. 
- Tenta entender ela! -  Eu pedi .
- Lua... 
-  Arthur eu sei que você quer o bem dela, mais isso é normal... Todos nós já sofremos por amor ou alguma outra coisa, faz parte da vida... Tenta pelo menos ajuda-la... Enfim... Não briga, não vai adiantar ! - Tirei a minha cabeça de seu ombro mais continuei abraçando a sua cintura .
-  Eu não vou brigar com ela, só não quero vê-la sofrer... É difícil você ver a pessoa que você mais ama nesse mundo chorar ! -  Ele estava certo... É muito difícil.
- Eu sei... Mais com um tempo isso vai passar as coisa vão melhorar! -  Ele assenti e me abraçou . 
- Agora eu preferia que ela estivesse com o paspalho do Bernardo, ele pelo menos não fazia a nossa garotinha chorar ! - Ele afagou os meus cabelos e eu sorri negando com a cabeça, ele não tem jeito ! 
        Ele estava certo, não pela parte do ' paspalho ' mais... Eu não quero que nenhum moleque mal caráter faça a minha princesinha chorar... Fui tirada dos meus devaneios quando ouvi o toque do meu celular ecoar por todo quarto, me soltei dos braços de Arthur e corri para o criado mudo onde o meu celular estava e olhei na tela do mesmo para ver quem era, um sorriso instantâneo se formou. Melanie.
 - Sa-fa-daaaaaaaaaa!  -  Falei assim que atendi e me sentei na cama ligando o viva-voz.
 - Oi peruuaaa!  -  Eu sorri e chamei o Arthur com a mão que veio e se sentou ao meu lado.  -  Como estão as coisas por ai, já saiu do atraso ?  -  Eu arregalei os olhos com a pergunta... Tomara que o Arthur não tenha ou...
 - Sim, graças a Deus!  -  Ele respondeu e eu dei um tapa em seu braço protestando.
 - Arthur safadoooo!  -  Arthur gargalhou e eu revirei os olhos... Eles tinham virado " coleguinhas " desde que o Arthur colocou o Chay na " Fita " da Mel.
 - Melanie, você ligou pra mim não pro Arthur!  -  Reclamei  e ela gargalhou.
 -  Ciúmes ?  -  Ela zombou e eu revirei os olhos.
 -  Ai Melanie, você está tão chata! 
 - Ai ai, tá vendo como eu sou amada, Arthur?  -  Ela perguntou e ele me olhou sorrindo, eu revirei os olhos e virei a cara... 
 -  Iiih, alguém está ficando brava!  - Arthur falou eu ouvi os risos dos dois... Era só o que faltava... O  complô está formado! 
 -  Ai vocês dois são muito babacas !  -   Falei dando o telefone na mão do Arthur e me levantando. Sai do quarto, estava com raiva ... Odeio que me zoem... O-D-E-I-O .
        Quando eu ia descendo as escadarias de casa ouvi alguns soluços vindo do quarto da Elena. Dei meia volta e me aproximei com cautela. A cada passo que eu dava, mas o meu coração se apertava a minha pequenininha já está sofrendo a esse ponto ? Como pode uma coisa dessas ? O Arthur estava certo, eu não deveria ter deixado esse ' namoro ' com o Bernardo ir para frente, tanto que deu no que deu... Mais ele é tão bonitinho... Quando eu ia abrir a porta para poder entrar no quarto da minha pequena e ir consola-la, ouço o telefone fixo tocar no andar de baixo e alguns segundos depois ouço a voz de Emilly me chamar .
 -   Dona Lua é pra senhora !  -   Gritou e eu bufei, quem será... ? Espero que não seja alguém que me aborreça mais, hoje o meu dia não está nem um pouco bom. Sai de perto da porta da Elena e desci a escadaria correndo, quando cheguei ao telefone estava ofegante.
 -  Lua...  -   Falei esperando que a pessoa ao outro lado da linha falasse alguma coisa .
 -   Oi tia !  -   Bernardo ? 
 -   Bê ?  -   Perguntei sentindo o meu coração se apertar...
 -   Isso!  -   Ele falou com  a voz um pouco rouca.  -   Como a Lena tá ?  -   Ele me pareceu preocupado. 
 -   Está mal...  -   Não menti .  -   E você ? 
 -  Tô péssimo!  -   Ouvi ele suspirar e eu mordi meu lábio inferior ... Ele não merece isso !
 -  Meu amor, não fica assim...  -   Tentei consola-lo, mais eu não fazia a mínima ideia de como fazer isso! 
 -   Eu amo ela, tia Lua. Diz pla ela!  -  Meus olhos se encheram de lágrimas no mesmo instante e meu coração se expremeu mais em meu peito.
 -  Ela sabe...  -   Foi tudo o que eu consegui dizer, antes de secar uma lágrima que molhou o meu rosto.  -   Mais você não quer falar com ela ?   -   Perguntei estranhando, até porque ele deveria querer falar com ela e não comigo...
 -   Não...  -   Pude perceber que ele se espantou com a minha ideia, como se fosse um pecado falar com ela, havia alguma coisa errada !
 -  O que houve entre vocês, Bê ?  -  Perguntei e não tive resposta.
 -   Pleciso desligar!  -   Ele mal me deu um tchau ou algo assim, apenas desligou e eu fiquei na sala completamente confusa... Afinal... Porque ele não quer falar com ela? Porque ela terminou? Quem é o outro garoto? São tantos ' porquês ' .
        Joguei o telefone encima do sofá e subi as escadas correndo, não andei com cautela até o quarto de Elena, apenas entrei.
 -   Filha ?  -   Elena não estava na cama.
 -   Oi?  -   Ela apareceu na porta do banheiro com os olhinhos vermelhos e de cara enchada por conta do choro. 
 -   Eu sei que deve ser difícil pra você falar sobre isso, mais... Porque você e o Bê terminaram ? Quem terminou? O que aconteceu pra você está tão triste?  -   Me aproximei dela que coçou o olho e caminhou até a sua cama e deitou-se na mesma.
 -  Poque eu gosto de outlo galoto. Ele! . O Benardo não quer ser meu amigo, e o galoto que eu gosto não gota de mim ! -   Suspirei e fui até a cama dela e me sentei .
 -  Você ainda gosta do Bernardo ?  
 -   Sim!
 -   Isso está muito confuso, Elena!  -   Eu falei e ela deu de ombros.
 -   Eu goto dos dois, mais não sei de qual eu goto mais.
 -   Ai Elena, eu acho melhor você parar com essa história de 'gostar' isso só vai te fazer sofrer ! -  Me senti culpada por ter feito parte disso, se eu não tivesse empurrado ela pro Bê ela não estaria ai toda confusa, não estaria chorando pelos cantos assim como eu fazia... Eu quero que a minha filha só viva coisas boas e não coisas ruins como ter que amar uma pessoa e ela não te corresponder .
 -  Tem como mamãe ?  -   Ela me encarou empolgada como se estivesse procurando um jeito de acabar com todo o sofrimento que estava sentindo. Eu apenas neguei com a cabeça... Ela abaixou o olhar e respirou fundo... É muito ruim ver a minha pequena triste. Abracei ela e ali ficamos por vários minutos.
 -  Mais cedo ou mais tarde isso tudo vai acabar, meu amor! - Falei e ela assentiu .
 - tomala que não demole muito!  -  Neguei com a cabeça e afaguei os cabelos da minha pequena.
 - Quer sair um pouco?  -  Perguntei com calma. Apesar de eu já saber a resposta.
 - Não, hoje não!  
 - Tá... Então vamos ver um filme aqui em casa ?  
        Ela negou com a cabeça.
 - Filha, tenta se animar !  -  Falei e ela nem se mexeu.  - Vai tomar um banho que a gente vai ver uma maratona, só dos filmes que você mais gosta!  - Falei e ela continuou do mesmo jeito.  -  Vamos Lena!  - Supliquei e enfim de muita má vontade ela se levantou para tomar um banho.  - Vou deixar sua roupa aqui na cama!  
        Ela entrou no banheiro e eu suspirei, isso seria bem difícil. Fui até o mini-closet dela e peguei um vestidinho florido de manga curta e o coloquei em cima da cama, sai do quarto e fui para o meu onde o Arthur gargalhava ainda ao telefone, revirei os olhos .
 - O que vocês tanto conversam ?  - Coloquei a mão da cintura e olhei séria pro Arthur .
 - Nada ...  - Ele falou. Cínico! 
 - ' Nada '  - Imitei a voz dele e a Mel gargalhou. 

10 comentários:

  1. Owm tadinha da Lena :( acho que ela vai voltar a ser amiguinha do Bê.
    Kk Lua com ciumes kkkkkkkk Arthur nem gosta ;D
    Adorandooo *O*

    ResponderExcluir
  2. Posta ++++++++
    Ameeii *-*
    Ri muito com o Thur e a Mel !.!

    ResponderExcluir
  3. To amandooo
    Tem quantos capitulos???
    Xx Beca

    ResponderExcluir
  4. Owt's Luinha com ciumes <3 maaiiss
    Alice

    ResponderExcluir
  5. Kkkkk esses dois
    Posta ++++

    ResponderExcluir
  6. Lua com ciúmes e Lena sofrendo, tadinhas

    Ana

    ResponderExcluir
  7. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  8. a Lena ainda é uma criança para sofrer de amor.
    Quero mais cenas do Thur e da Lu juntos. Muito engraço a Mel e o Thur zuarem a Lu, mas parece que rolou ciúmes kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  9. mirella vasconcelos29/07/2014 17:46

    posta ++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo