1 de jul de 2014

31° Capítulo - Caminhos traçados


Depois do jantar, foram andar na praia.
– O dia hoje foi incrível. – Falou Lua enquanto os dois andavam abraçados na areia. –Obrigada.– Disse passando as mãos nos braços.
– Não a de que. Você esta com frio Luh? – Pergunto vendo ela abraçar o próprio corpo.
– Um pouco. – Respondeu e Arthur tirou o casaco.
– Aqui. – Ele colocou seu casaco nas costas da menina. E a abraçou por tras. – Te adoro.
Ela se virou e deu um beijo no rosto dele.
...

Lua esperava Igor, os dois combinaram de fazer o trabalho na casa dela depois da aula.Enquanto ele não chegava , a loira pensava no maravilhoso feriado que teve, ela e os amigos se divertiram bastante.
Claudia entra no quarto e vê a filha um pouco distante, que a mesma nem percebeu a presença da mãe.
– Posso saber o que minha princesa tanto pensa? – Ela perguntou, e a mesma a olhou.
– Na vida! – Respondeu ela suspirando.
– Você quer que eu fale para o seu amigo que você não pode vê-lo, porque você está pensando na vida. – Zombou da filha.
– Hã? – Perguntou franzindo o cenho, se esquecera de Igor. Levantou rapidamente. – Oh! – Exclamou colocou a mão sobre os lábios. – Puts, ele está me esperando a muito tempo? – Pergunta arrumando a roupa.
– Não. – Claudia disse se pondo atrás da filha. – Ele chegou agora. – Abraçou a filha. – A proposito ele é muito bonito.
– Mãe! – Riu a reprendendo.

Pov Lua
Caramba! Eu esqueci que tinha combinado de fazer o trabalho com o Igor. Sai do meu quarto as pressas, descer as escadas foi um sacrifício, eu estava com tanta pressa que quase cai.
– Igor! – Digo com a voz falha, tentando recuperar o ar.
– Esta tudo bem com você? – Igor pergunto preocupado.
– Sim. – Balanço a cabeça. – É só estou com um pouco de falta de ar. – Coloquei a mão no peito.
– Senta um pouco. – Igor mandou, pegando na minha mão,me levando para perto do sofá. – Você está melhor?
– Sim. – Sorri encantada, ele é muito fofo. – Vamos começar esse trabalho? – Perguntei e ele assentiu.

...
As horas passaram voando, Igor e eu nos divertimos muito, agora estávamos deitados no chão do meu quarto rindo.
– Owt como ela era fofinha. – Ele disse apertando minha bochechas.
– Chega de falar da minha vida. – Digo sem graça.
– Ela ficou com vergonha. –Ele levantou o tronco ficando com o rosto próximo do meu. – Você fica linda vermelha. – Disse e eu corei.
Igor ficou em silencio, ele me olhava de um jeito que me deixava sem jeito. Quando dei por mim estamos a milímetros de distancia,ele me olhou nos olhos e me beijo. Era um beijo muito gostoso, realmente ele beijava bem eu não podia negar.
– Lua eu...
 Ouvi a voz de Arthur ecoando pelo quarto, empurrei Igor, e consegui ver a expressão ele parecia abismado ou algo do tipo.

– O que esse idiota faz aqui Lua? – Ele quase gritou.Isso é péssimo sinal. – Responde Lua!O QUE ELE FAZ AQUI COM VOCÊ? – Ele gritou.
– Abaixa o tom! - Gritei, quem ele pensa que é pra falar assim comigo.– Não estavamos fazendo nada de mais.– Levantei irritada. – Ele veio aqui fazer o trabalho do Edu comigo.
– Engraçado eu achei que o trabalho fosse de português e não de Ciências! - Ele disso com um tom sarcastico. Lhe lancei um olhar reprovador.– Afinal ele estava examinando a sua boca né?
– Arthur não é nada disso... - Igor tentou amenizar o clima.
– Cala a boca que eu não falei com você -Arthur disse apontando para Igor.
– Luinha eu ja vou.– Igor se despediu de mim, me chamando de Luinha puts! Agora é que a coisa vai ficar feia pro meu lado.Só o Arthur me chamava assim.– Se cuida menina! – Ele depositou um beijo na minha testa.
Igor foi embora me deixando sozinha com o Arthur.

4 comentários:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo