23 de jun de 2014

Meu Cunhado: Capítulo 10




Lua sabia que era errado, mas ela estava sentindo uma forte atração pelo marido da sua irmã e isso ela não podia negar. Arthur, por sua vez, nunca fora santo, Ana sabia disso, mas seria muito canalha se ele ficasse com sua cunhada, o que já aconteceu.
Lua: Mas Bia... – tarde demais, a amiga já havia desligado o telefone na sua cara. – Essa menina está me deixando maluca. – negou com a cabeça.
Arthur : Deu pra falar sozinha? – perguntou entrando na sala. – Está ficando meio maluquinha, hein cunhadinha? – disse irônico.
Lua: Não que lhe interesse, mas eu estava falando no telefone com a Beatriz. – respondeu de mau gosto.
Arthur : Ela ainda está na casa do namorado? – perguntou sentando no sofá, ao lado de lua.
Lua: Isso também não te interessa, mas eu vou responder. – sorriu irônica. – Sim, ela está na casa do Gustavo.
Arthur : Lua deixa de ser chata. – revirou os olhos. – Você é certinha demais.
Lua: Você não me conhece pra saber se eu sou certinha ou não. – disse sem vontade. – Você só sabe meu nome, não me conhece.
Arthur : Eu estou tentando te conhecer, mas você não abre espaço. – aproximou-se dela. Já estavam bem juntinhos, quando foram interrompidos por um barulho.
Lua: O que foi isso? – perguntou preocupada pelo barulho que acabara de ouvir. – Vamos ver.
Rapidamente, Arthur e Lua sobem as escadas, indo na direção de onde o barulho tinha vindo. Abriram a porta do quarto de Clarinha e tomaram um susto, a pequena estava caída, enquanto chorava encolhida no canto do quarto.
Arthur : O que aconteceu filha? – perguntou preocupado se aproximando da pequena.
Clara: Machucou. – mostrou o joelho que estava sangrando. – Dodói do neném ta doendo. – disse chorosa.
Arthur : Assustou-me filha. – abraçou a menina que estava vermelhinha de tanto chorar. – Passou meu amor. – alisou os cabelos escuro da pequena.
Lua: Que tal se a gente fosse tomar um sorvete na pracinha perto daqui? – disse para animar a sobrinha.
Clara: Siiiiiiiiiiiiiiiim. – bateu as mãos uma na outra, completamente animada.
Arthur : Então eu vou com vocês. – sorriu para as duas.
Apesar de suas desavenças, Arthur e Lua, para a alegria da pequena Clara, a levaram, juntos, para o parquinho que tinha perto da casa deles. Logo, eles entram na sorveteira que, até então, estava vazia.
Lua: Você vai querer sorvete de quê, linda? – perguntou á Clarinha que respondeu “morango”. – E você... – apontou pra Arthur. – Não interessa. – deu de ombros e saiu, indo para o caixa comprar os sorvetes.
Arthur: Sua tia é muito chata. – riu e a pequena soltou uma gargalhada gostosa.
Autora:lilicabral 


3 comentários:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo