28 de jun de 2014

"De Repente é Amor"


29ª Capítulo - Idiota
#Maratona


- Desnecessária aquela ceninha mais cedo, né? – Lua fazia uma trança no cabelo de Mel. 
- Agora todo mundo vai ficar me crucificando? – bufou – Desculpa, o.k?
- O que aconteceu? – a morena suspirou. 
- Nada, deve ser a TPM. 
- Tem certeza? Porque você e o Chay se deram bem no inicio, ai do nada você se vira contra ele – Lua disse chateada. 
- Gosta mesmo dele, né? – ela sorriu. 
- Gosto. E a senhorita devia trata-lo melhor – a repreendendo. Mel riu. 
- Não prometo nada. 
- Mel...!
- Posso tentar ser educada, mas não prometo que vou gostar dele – Lua rolou os olhos. 
- As vezes eu acho que você é filha biológica da dona Claudia e eu sou a filha adotada – Mel franziu o cenho – Você puxou a chatice dela. 
- Uh, olha quem fala – gargalhou. 
- “O sujo falando do mal lavado” – Lua gargalhou também – Pronto. 
- Obrigada. 
- Vamos descer? Estou com fome – disse colocando a mão na barriga. 
- Eu também, que horas são? 
- 21h37min – disse olhando no celular. As duas desceram e chamaram os meninos para jantar. 


*  *  *

- Não. Para Chay – gargalhou se arrepiando com os beijos – Para seu idiota. 
- O Arthur acabou com o nosso clima hoje – os dois estavam no quarto, já eram quase 2h da manhã e nenhum dos dois conseguiam dormir.
- Não ia acontecer nada mesmo – deu de ombros. 
- Ué, e porque não? – Lua fez cara de deboche – Pensa comigo, não tem nada mais excitante do que transar na piscina à luz do dia. 
- Ah, claro. Com sua irmã mais velha e seu melhor amigo assistindo tudo – Chay gargalhou – Idiota. 
- Pensando por esse lado... – Lua assentiu – Quer colocar um filme? Já que você não quer me beijar. 
- É porque eu sei que você não quer só beijo. 
- Quem me deixou excitado de manhã foi você, agora aguente – Lua riu.
- Para de falar essa palavra – com vergonha – “excitado”, me sinto aquelas garotas que fazem Streep. 
- Não me incomodo se fizer um pra mim – falou no ouvido de Lua, ela deu um soco no braço dele. 
- Roobertchay! – ele gargalhou e segurou seu rosto. 
- Já disse que fica linda com vergonha? 
- Chay... 
- Linda, linda, linda... – sorriu. 
- Você é um idiota sabia? – escondeu o rosto no peito dele. Chay riu. 
- E aí, vai querer o filme? – ela assentiu.
- Menos terror – deu um selinho nele – Por favor. 
- Só porque me deu  um beijinho – ela riu. 

*  *  *

- Lu? 
- Hum...
- Ta acordada? 
- Não, eu sou sonâmbula – disse debochada e Chay riu.
- Posso te beijar? 
- Não.
- Chata – eles ficaram em silêncio e depois de uns 10 minutos Lua começou a rir – O que foi? 
- Esse silêncio me assusta – ela se virou ficando de frente para Chay. 
- Só à você? – ergueu a sobrancelha, Lua riu – Vamos lá pra baixo? Cansei de ficar deitado. 
- Eu também. 

Eles se levantaram e Chay desligou a TV. Lua se dirigiu à cozinha alegando que iria fazer um brigadeiro, para não ficar sozinho, Chay foi ajuda-la. Não preciso dizer que saiu merda disso aí, não é? – Os dois corriam pela sala e Lua tinha a panela na mão. 

- Cala a boca sua retardada – ele ria junto á Lua – Você vai acabar acordando eles. 
- Então para de correr atrás de mim – ela dizia enquanto fazia o contorno do sofá. 
- Então me da brigadeiro – era tipo uma troca de favores, ele parava de correr atrás delas se ela lhe desse brigadeiro.
- Você comeu quase tudo! – ela disse indignada. 
- Mas eu ajudei a fazer – ele protestou. 
- Idai? – ela deu de ombros. 
- Te peguei – os dois caíram no chão, Chay meteu o dedo na panela e pegou a maior quantidade de chocolate que conseguiu. 
- Nãaao! – ela fez manha – Você acabou com tudo, idiota. 
- Idiota feliz – sorriu maroto. 
- Idiota sem beijo até o fim da humanidade. 
- Idiota prestes a começar um apocalipse – Lua gargalhou. 
- Idiota – passou os braços envolta do pescoço dele. 
- Idiota feliz – repetiu a frase, Lua sorriu e o puxou para um beijo. 

Um comentário:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo