18 de jun de 2014

25° Capítulos - Caminhos traçados




– Juh posso perguntar uma coisa?
– Pode.
– E verdade que você vai se mudar? – Perguntou deitando ao lado dela.
– Não sei. – Respondeu ficando de lado e olhando para o garoto que sempre amou. – Talvez, meus pais estão me perturbando.
– Você não pode se mudar, não pode! – Exclamou ele um pouco desesperado.
– Por que não Rodrigo não a nada que me prenda aqui.
– Sim há! – Afirmou o rapaz. – Aqui tem suas amigas, o colégio, sua prima, a sua vida está aqui Juliana. – Ele segurou o braço dela. – Nossos amigos não querem que você vá embora.
– Seja sincero! O que essa mudança representa para você. – Essa era uma pergunta que o próprio Rodrigo se fazia, a única resposta era a que ele mais tinha medo. Mas tinha que se arriscar ou nunca iria saber o que poderia acontecer entre ele e a garota que o atormentava até nos sonhos. A unina coisa que consegui fazer foi beija-la.
Um beijo quente, pareciam que cada partícula do seus corpos estavam em chamas, quando o beijos acabou, o menino junto as testas dos dois e disse.

– Saudade , isso que representa pra mim. – Agora sim ele tinha dito tudo que ela queria ouvir.

No quarto onde Chay e Mel iram dormir, o clima era de guerra , neste momento os dois estavam discutindo.


– Você acha que eu sou idiota? Que eu não sei que enquanto você faz juras de amor pra mim tentando me conquistar, você é só da as costas e já ta pegando uma qualquer. – Ela perguntava farta.
– Se isso acontece a culpa é sua.
– Minha? – Ela se aproximou dele irritada.
– Sim sua. – Apontou para ela. – Você acha que eu vou te esperar pra sempre Melanie? Que vou sempre esta esperando a pobre órfã ,sedenta de carinho e amor. – Falou sem pensar, e se arrependeu. – Eu não quis dizer isso.
– Você é um estupido,idiota, insensível. – Ela disse o estapeando.
– Mel desculpa. – Ele disse tentando se esquivar dos tapa.
– Eu te odeio Chay. – Continuou batendo em Chay.
O garoto a puxou pelo braço e a prensou na parede.
– Admita Mel! – Exclamou passando o nariz na bochecha a mesma que estava mole. –Você também é louca por mim. – A olho nos olhos. – Admita. – Insistiu.

– Eu... – Não terminou a frase Chay a beijou.

(...)

Hoje o clima na escola era de paz, Juliana e Rodrigo não tocaram uma palavra sobre o ocorrido da noite anterior, trocavam alguns olhares discretos. Chay e Mel decidiram deixar as coisas rolarem, sem pressão.
– Awn! – Lua exclamou ao ver Chay dar um beijo em Mel. –Vocês formam um belo casal.
– Concordo. – Chay disse dando um selinho em Mel. – Obrigada Ray! – Agradeceu. – Se não fosse você, acho que não estaríamos juntos agora. – Apertou a garota que estava em seus braços em um abraço.
– Achei que não ia agradecer nunca. – A menina riu sarcástica.
– E vocês dois? – Sophia apontou para Juliana e Rodrigo que não haviam falado nada desde que saíram para o intervalo. – Estão tão quietos.

– Eu estou... – Juliana foi interrompida pelo sinal.

Cade os comentários??
Assim eu desanimo 

6 comentários:

  1. Aaaaaaaah, amei, amei, amei!!!
    Posta +++, tava com saudade dessa web, fic sei lá... posta +++

    ResponderExcluir
  2. mirella vasconcelos18/06/2014 16:08

    Posta+++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  3. AI MEH ZEUS!
    Você colocou a idéia que eu te sujeri!!!!
    E deixou mais perfeita
    CHAMEEEEEEL!
    Postaaaaaa +

    ResponderExcluir
  4. OMG !! *o* ' ChaMel e JuDrigo. *-----* ' Amo forte !! <3 '

    ResponderExcluir
  5. A web é luar e vc não coloca nem um pouco deles!!! como assim choquei

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo