10 de mai de 2014

One Last Dance 2ª Temporada - Capitulo 4






-Lua, o que acha de ser a madrinha do Thur no casamento? -Perguntou Giovanna me pegando de surpresa, quase coloquei meu coração pra fora pela boca.
-Oque? -Perguntei assustada
-É sabe..Você é muito importante pro Thur e nós dois tinha-mos um trato de que eu poderia escolher o padrinho e ele escolheria a madrinha -Perguntou e eu sorri forçadamente vendo Phil rir no banco de traz fingindo que era por conta de algum vídeo na internet do celular.
-É...Mas ele não escolheu -Eu falei olhando pra ele pelo retrovisor 
-Pediu sim na verdade. Ontem a gente tava conversando e eu perguntei se ele já tinha escolhido. Ele disse que se a Mel não voltasse de Madri no máximo 1 semana, poderia ser quem eu escolhesse e hoje a Mel me mandou um e-mail falando que vai chegar um dia antes da cerimonia então -Ela sorriu
-Uhuu -Fingi animação mas por dentro meu coração estavam tão pequenininho que eu nem sei se era um coração ou uma unha.
Quando chegamos na nova casa de Arthur, o meu queixo veio a baixo com tanta beleza. Aquilo parecia uma mansão de tão grande e bonita.
Tinha um jardim muito,muito verde na frente e todas as paredes eram completamente brancas. Tinham algumas árvores com flores roxas que davam destaque á beleza da faxada desse lugar.
-Er...a casa é linda -Eu disse meio tímida 
-O Thur que escolheu -Disse Giovanna sorrindo e segundando no braço de Arthur que até agora não havia dito uma única palavra 
-Eu acho melhor eu e o Philip irmos pra um hotel -Disse eu e Giovanna me olhou como se eu fosse louca
-Você está louca? -Viu? eu falei -Vocês dois ficam aqui, temos um quarto de hospedes.
-Não Giovanna, tudo bem. A gente pode ficar num hotel, ficaríamos na casa da minha mãe mas ela mudou pra São Paulo então...
-Nem venha com essa, vocês ficam aqui. Thur leva as malas deles antes que mudem de ideia e Lua pode começar a me chamar de Gio ok? -Ela disse e entrou em casa dando pulinhos de alegria
-Gostei dela -Sussurrou Phil no meu ouvido e eu me segurei pra não bater na cara dele.
Mas ai ouvi alguns gemidos de Arthur, virei e vi que ele estava com uma certa dificuldade em carregar as malas e resolvi ajudar...porque eu tenho que ser tão idiota?
-Em quantos dias é o casamento? -Perguntei pois não aguentava aquele silêncio sendo quebrado apenas pelos gemidos de dor de Arthur
-Em duas semanas -Ele respondeu seco e eu assenti enquanto ainda caminhava-mos para o quarto 
-Quando pediu ela em casamento? -Perguntei mesmo sem querer saber da resposta 
-Já faz três semanas -Respondeu e mais uma vez eu e minha boca grande fomos até onde não deveria-mos 
-Á Quanto tempo estão juntos? -Perguntei e ele suspirou 
-Três meses -Disse e eu entrei em pânico, sorte que já havíamos chegado no quarto e eu poderia fechar a porta e gritar à vontade...foi exatamente o que eu fiz
-VOCÊ O QUE? O QUE TEM NA CABEÇA PRA PEDIR ELA EM CASAMENTO DEPOIS DE TRÊS MESES? -Explodi de raiva pela falta de maturidade dele...maturidade essa que eu jurei que ele havia conseguido, acho que não!
-Eu tinha que te esquecer Lua! Aquilo estava me matando -Ele respondeu quase gritando e isso conseguiu me calar de um jeito inexplicável
-Não...N...Ai eu não sei o que dizer -Falei 
-É porque não tem nada pra dizer, já ta feito -Respondeu curto e grosso saindo do quarto
Corri atrás dele mas acabei com a porta batendo na minha cara 
Ia começar a chorar mas Giovanna foi mais rápida e abriu a porta sorrindo 
-Conversaram? -Ela perguntou
-Você não ouviu? -Perguntei assustada
-Não, as paredes daqui são de concreto. O Som é abafado e não dá pra escutar nada -Ela respondeu dando de ombros -Sobre o que conversaram? Ele saiu com uma cara tão feia, arrumou outro melhor amigo e ele tá com ciúmes?
-É...Quase isso -Respondi suspirando 
-Não fica assim, você sabe melhor que eu o quão ciumento o Thur é -Ah se sei, e como sei  
-Sei sim 
-Daqui a pouco ele esquece. Aquele seu namorado é muito legal, nós ficamos conversando um pouco na cozinha, você não me disse que ele seu figurinista -Porque ele não era! pediu muito, claro, mas eu não deixei por que isso significaria que ele teria que ir comigo em todos os shows e ele tinha faculdade, a irmã, emprego e namorados...
-É...ele sempre gostou de moda, os pais nunca aprovaram porque falavam que era coisa de Gay -Disse mesmo sendo um pouco irônico isso já que... ele é gay
-Preconceito é uma droga né? Aposto que perderam um filho talentoso -Ela disse e eu sorri, realmente Philip era bastante talentoso
-É...-Disse apenas e ficamos em silêncio até ela falar animada
-Nós podemos ir à um shopping hoje, nós três já que o Thur vai pra empresa. -Ela respondeu e eu franzi o cenho 
-Empresa? Mas e a banda dele? -Perguntei
-Ele desistiu já faz uns anos, disse que a musica lhe trás lembranças ruins...de uma briga com o Guga eu acho
Não foi bem com o Guga que ele brigou mas vai ter que me explicar direitinho essa historia de empresa.


8 comentários:

  1. Aaaaa posta mais, essa web ta perfeita

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Ahhh continua pelo amor de Deus! E se eu falar q to chorando pq o Arthur vai casar? Vc me mata? OK! Sou emotiva... :'(

    ResponderExcluir
  4. +++++++ essa web e perfeita d+

    ResponderExcluir
  5. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++ continua e perfeita
    Ass: leticia

    ResponderExcluir
  6. Você acabou de estragar a web com essa vaca da Giovanna. Ninguém merece e cara como o Arthur é idiota infantil, na moral. Aff

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo