27 de mai de 2014

59° Capítulo - A ladra e um segredo



Nos dias que se seguiram Arthur evitou Lua, não queria fraquejar já que Lua não o amava ele não insistiria mais nisso, fitou a garrafa de conhaque vazia em sua mão e suspirou  frustrado.


Levantou-se cambaleante e pegou outra, abriu e encheu outro copo com o liquido escuro e bebeu em um só gole.


Fitou a garrafa novamente e riu, tinha que beber para esquecer e afogar as magoas.

 Onde está milorde Raquel?  Perguntou Lua

 No escritório milady.

 Obrigado.  ela agradeceu e foi em direção ao escritório do marido, bateu de leve.

 Me deixa em paz.  ela o ouviu gritar lá de dentro.

Entrou  e o encontrou sentado na poltrona com a cabeça apoiada na escrivaninha.

 Meu Deus Thur vc está bêbado.  Ela se aproximou o ajudando a levantar e seguir com ele para o quarto dele.

 O que pensa que está fazendo?  Ele resmungou.

 Como o que estou fazendo? Cuidando de vc, porque bebeu tanto Thur?

 Para te esquecer Lua, para arranca-la do meu coração, a amo e saber que ama outro está me matando.

O coração de Lua disparou dentro do peito, saber que ela havia causado tanta dor a Arthur  a deixava com o coração doendo.

 Arthur, por favor não faz mais isso.

 Vc ama outro como quer que eu fico?

 Arthur eu nunca amei outro que não vc.  falou Lua com o coração apertado. E jamais vou amar nenhum outro que não seja vc.

Ele a fitou sem entender, será que ela havia falado a verdade ,ele podia estar bêbado porém não estava cego, ele percebia tristeza,  dor  e sinceridade nos olhos dela.

 Me ama?

 Muito, jamais amei outro eu só falei aquilo, porque eu não queria lhe causar mais confusões Arthur.

 Meu amor!  Falou ele puxando-a para se e abraçando-a.  Eu te amo e quero vc do jeito que é,e pensar que amava outro quase acaba com o meu coração.



 Me perdoa Thur.  ela deitou ao seu lado e ambos se abraçaram e em questão de minutos eles adormeceram juntos.

2 comentários:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo