13 de mar de 2014

15° Capitulo: Unidos por uma criança // MAMÃEZINHA!


Oooi baby's ... :)
Particularmente achei esse capitulo muuuuito fofinho ! ahahaha' espero que gostem assim como eu gosteei! :)
MINA LOKA:  - ahaaha' Tô achando o Arthur muuuito chato, acho que ele tá muuito despreocupado com a vida... Mais já já, tiro essa marra dele ! rsrsrs' ;)  Bjks! : *

ANÔNIMO¹:    - Na verdade as duas estão erradas né?! :/  Bjks! : *

DANNI AIRES:    - O Arthur pode até ser ruim com a Lua, mas jamais usaria a filha dele para fazer algo de ruim,  e quanto a Elena em breve isso vai mudar; Bjks! : *

ANÔNIMO²:   - ahaha' Será? O.o Hmm... Vamos ver né?! rsrs' Bjks! : *

Isa:  - Beeeeeem vinda, amoreeee! :D Bjks! : *

                                                 Booa leitura! ;)






      Quando decidi parar de chorar, sai da cabine do banheiro e tinham algumas mulheres no mesmo ficaram me encarando assim que sai  - Acho que porque eu chorava muito alto.  -  tentei não ligar pras mulheres  apenas lavei o meu rosto e depois enxuguei com uma toalhinha que estava na minha bolsa. Assim que sequei o meu rosto me encarei no espelho grande do banheiro, e me encontrei nele... Eu estava totalmente acabada, olheiras que eu nem sabia que tinha apareceram por conta de todo o meu choro sem contar que o meu rosto estava inchado e muito vermelho. Tentei ignorar isso e então peguei minha bolsa que estava em cima da pia e caminhei pra fora do banheiro, voltando até o quarto 312. Assim que eu entrei, vi que estavam todos sentados um pouco longe da Elena que chorava, eu estranhei a cena mas não falei nada apenas caminhei até ela e a abracei com cuidado e carinho,  uma coisa que me magoa de mais é ver a minha pequena chorando, eu posso aguentar a dor mais forte do universo, menos a de ver a minha pequena triste, isso não!
 
      Pra minha surpresa ela me abraçou de volta.

 -  Mamãezinha...  -  Ela falou e sem que eu percebesse já estava chorando com ela.  -  Diculpa, eu ti amu!  - Disse se separando , e quando um pude olhar nos olhos dela eu olhei e sequei as lágrimas dela, e ela as minhas.

 -  Eu também te amo, princesa!  -  Dei um sorrisinho, e ela também e nós nos abraçamos de novo.

 -  Aaaaaai, como vocês são fofaas!  -  A Sophia falou e eu me separei do abraço e olhei pra ela sorrindo ela me olhou espantada e eu ri, ela com certeza estava me xingando por dentro, eu estava totalmente ridícula, sem maquiagem alguma, olheiras até o queixo, sem contar que peguei a primeira roupa que vi na frente.  -  Lua, preciso falar com você !  - Ela voltou a falar e eu revirei os olhos negando com a cabeça e fazendo bico, sabendo o esporro que ela me daria.

 -  Pode ser mais tarde ?  -  Perguntei e ela negou com a cabeça.  -  Hm...  -  Bufei  -  Tá!  -  Olhei pra Elena e dei um beijinho nela , que sorriu.  - Vamos?!  -  Olhei pra Sophia que se levantou e caminhou para fora da sala, assim como eu.

 -  Tá doida é?!  -  Ela me perguntou assim que eu sai da sala, fechando a porta .

 -  Não, porque?  -  Perguntei só pra provocar .

 -  Eu tenho certeza de que você sabe o porque ...  -  Falou, bufando e logo depois colocando a mão na cintura .  -  Você tem que ir pra casa, pra se arrumar direito... Você é uma estilista e tá completamente fora da moda, com essas roupas todas descombinadas ...  -  Nem deixei ela terminar de falar .

 -  Exatamente ... EU sou a estilista! EU faço o estilo!  -  Sophia revirou os olhos e eu bufei.

 -  Vai pra casa passar uma maquiagem nessa cara, e tomar um banho bem relaxante, porque as coisas lá na empresa não estão nada boas e você precisa resolver algumas coisas lá!  -  Ela me falou e eu logo tratei de responder ... Como é que é?!

 -  O que?  -  Perguntei espantada, e Sophia levantou as mãos em sinal de rendição .  -  Se você não percebeu a minha filha está no hospital, com uma perna quebrada por minha culpa!  -  Falei e ela bufou, batendo os pés no chão.  -

 -  Lua, ela tá bem e a empresa não está na melhor. Você precisa assinar contratos, desenhar a nova coleção e ainda tem que viajar pro Canadá na semana que vem, a sua agenda tá lotada e você não pode simplesmente jogar tudo pro ar...  -  Falou .  -  Não mesmo !  -  Apenas virou as costas e entrou novamente no quarto, me deixando lá fora sozinha como uma pateta, mas ela tinha razão... EU ESTOU COMPLETAMENTE FERRADA!

Voltei para dentro da sala e caminhei até a cama da Elena, para falar com ela que eu precisava ir embora. E também teria que falar com o Arthur pra ele ficar com ela... Ai meu Deus...

 -   Filha...  -   Ela que estava de olhos fechados na cama abriu e deu um meio sorriso como se pedisse para que eu continuasse .   -   Vou precisar sair, mas depois eu volto. Tá?!  -   Ela apenas assentiu ainda com um meio sorriso nos lábios. Então dei um beijo na testa dela e me virei para encarar Arthur que estava sentado na poltrona conversando com a Mel  -  O que era estranho, mais isso agora não vem ao caso.  -   Arthur!  -   Chamei atenção dele, que me olhou imediatamente .  -   Preciso falar com você !  -   Caminhei para fora da sala e o esperei no mesmo lugar onde eu conversava com Sophia a alguns minutos . Cruzei os braços e me encostei na parede , foi aí que Arthur apareceu fechando a porta atrás de si.

 -   Então...?  -   Ele falou olhando ao redor do corredor.  E eu suspirei mordendo os lábios...  -

 -  Bom... Primeiramente, eu queria te pedir desculpa...  -   Ele nem deixou eu terminar de falar .

 -   Tá tudo bem, eu quem te devo desculpas !  -   dei um meio sorriso pra ele, e desviei o olhar pra um lugar qualquer, tentando prender a minha atenção em qualquer coisa idiota, para não olhar na cara dele... Pois eu estou horrível.

 -   E... Eu vou precisar sair agora, e...  -   Mordi o lábio novamente.  -   Será que você pode ficar aqui com a Lena até eu voltar ?  -   Perguntei. Apesar que ele era o único com quem eu podia contar agora, pois os outros tinham emprego e tals... Mas ele não, ele era o DONO não recebia ordens... Mas enfim.

 -   Tá!  -   Ele só respondeu isso e eu me desencostei da parede ficando em pé direito.

 -   Tá bom...  -   Dei um sorrisinho.  -   Obrigado!  -   Sai o mas rápido que pude, nem deixando ele responder nada.

[...]

Já estava dentro do carro, já se passavam das  15:00 hrs eu ainda não tinha comido nada, estava feia e ainda tinha um bando de coisa pra fazer... Acelerei o carro, e em 30 min. eu estava em casa. Assim que cheguei joguei a minha bolsa e chave em cima do sofá, corri até a cozinha e coloquei uma lasanha semi-pronta no microondas. Feito isso subi para o meu quarto e separei uma roupa pra mim sendo ela uma saia longa toda preta e sem detalhes, uma regata de seda creme, um cinto também preto e uma rasteirinha também preta .  Corri, pro banho não foi muito relaxante pois a pressa não deixou, então eu apenas tomei um banho rápido, me vesti arrumei meu cabelo e depois de tudo ainda finalizei o meu look com um casaquinho de pano fino da cor preta. Minha maquiagem foi super simples: Corretivo, rímel, blush, sombra, batom e lápis, desci as escadas e tirei minha lasanha do forno me servindo depressa.

7 comentários:

  1. Menos mal neh Vih, mais que ele era um ordino ele era.
    Parece que ele esta mudando, ohh glóriaa \O/ kkkk
    Que fofo a Lena chorando pela Lua <3
    chorosa *-*
    Lindo capitulo.
    Ah Vih, eu sou a "Dani" kkk é pq criei uma conta pra sair no "anônimo" kkkk

    ResponderExcluir
  2. Posta ++++++++++++++++++
    Ameeii *-*

    ResponderExcluir
  3. posta +++++++++++++ e eu estou amando essa web.
    é uma pergunta está próximo para o arthur perceber que está apaixonado pela lua (ou ele falar para ela que está apaixonado)?

    ResponderExcluir
  4. ai viih ficou prftt. doida aki p eles se acertarem
    bjao ♡♡
    by:lethy

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo