9 de jan de 2014

Meu vizinho Insuportável 3ª Temp.

 

Capítulo 67.



Arthur procurou desesperadamente os lábios da Lua para mais um beijo de pura entrega e desejo,  muito selvagem, ele precisava disso, precisava daquele tormento antes do prazer final, precisava ouvir ela gritar ardentemente por ele com aquela profunda união de seus corpos e assim aconteceu, Lua não conseguia mais controlar seus gritos, jamais haviam se amado daquela maneira, os corpos já estavam completamente suados, mal conseguiam respirar e ela revirava os olhos de tanto prazer e descontrole, deixou de beijá-lo e permaneceu com os lábios entreaberto sentindo o êxtase. Em seguida foi a vez de Arthur lhe gritar o nome, estava fora de controle, alternando os quentes beijos pelos seios colo e pescoço dela enquanto a segurava pela nuca. O momento de pura luxuria estava perto de terminar em uma queda livre num precipício do prazer final, podiam sentir, as mãos dele seguraram as nadegas dela com vontade, controlando os movimentos precisos.

Lua: eu não... eu vou... – jogou a cabeça para trás gritando o nome dele e apertando os olhos cerrados, apertava com os dentes, seus próprios lábios vermelhos e inchados.

Arthur: olha nos meus olhos Lua, olha agora – ordenou com desespero, precisava olhá-la nos olhos, precisava ver o desejo explicito naquele par de olhos o qual era apaixonado.

Lua: eu não con...sigo – apertou os lábios e sentiu os lábios dele encostar os seus e suas testas se colarem.

Arthur: olha nos meus olhos meu amor... – pediu acariciando as bochechas rosadas, diminuindo um pouco os movimentos e sorriu ao vê-la abrir os olhos encontrando os seus, a vista embaçada de tanto desejo e excitação e foi naquele momento de pura luxuria em que alcançaram o ápice do prazer final juntos, após mais uma vez gritarem ao vento ao mesmo tempo: “eu amo você” uma para o outro, alcançaram um prazer tão intenso que jamais haviam tido, diante do sol que estava nascendo, Arthur caiu exausto por cima dela que fechou os olhos com força, tentando respirar, nunca esteve tão difícil conseguir respirar. Se olharam cúmplices com um enorme sorriso no rosto e os olhos brilhantes. Sem duvidas aquele era o mais puro, verdadeiro e intenso AMOR.

8 comentários:

  1. É o último capítulo :\ ?????? Cadê o bebe da Dany e o Kayke, cadê o Nando contar tudo??????????

    ResponderExcluir
  2. Posta ++++++++++++++++
    Ameeii *-*

    ResponderExcluir
  3. Ana Clara s209/01/2014 22:01

    OMG!!!que coisa mais perfeita..... <3

    ResponderExcluir
  4. lindo
    ass Sofia

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo