27 de dez de 2013

Meu vizinho insuportável 3ªTemp.



Capítulo 62.

Lua: a quanto tempo não ficamos assim... – comentou com um enorme sorriso nos lábios, estava deitava com Arthur na rede, olhando as estrelas na varanda, metade do corpo dela por cima do dele,a mão dela estava no peitoral e ombro acariciando levemente, aproveitando aquele momento, ele  tinha um braço por baixo de seu pescoço e o outro envolvendo-a na cintura, acariciando-a pele feminina por dentro da blusa, as pernas entrelaçadas – eu amo estar assim com você... – o olhou nos olhos – eu amo você... preciso que saiba disso...

Arthur: eu sei meu amor... eu sinto... e eu te amo mais que tudo... e preciso que você entenda isso de uma vez por todas... – a apertou contra si – meu amor, eu não aguento mais ficar longe de você... longe do teu corpo... – entrelaçou seus dedos a olhando nos olhos

Lua: eu também não aguento ficar sem você – negou com a cabeça e se ergueu para beijá-lo mas ele a impediu

Arthur: espera – sorriu acariciando os lados do rosto dela que não estava entendendo nada – preciso te dizer umas coisas – se sentou na rede com ela sentada de frente para ele, com as pernas em volta de sua cintura – você sempre foi tudo para mim, quando eu sentia que estava morto por dentro, foi você quem fez eu me sentir mais vivo. Sem você eu... eu não sou nada...

Lua: Arthur... – sussurrou emocionada

Arthur: você me deu tudo que eu jamais imaginei, tudo que eu não sei se merecia, ou mereço, eu não sou perfeito,  mas assim mesmo, você me deu seu amor...sua alma,  seu carinho, sua vida, me deu você por completo e ainda me deu maravilhosos filhos, uma família linda e eu jamais poderei agradecer como você merece... Porque não me acho digno de merecer tudo isso... mas eu te amo mais que minha própria vida, por você faria qualquer coisa, não sei se tenho direito, mas  peço permissão para permanecer ao seu lado por toda eternidade – colocou a mão no bolso e tirou uma caixinha branca de veludo mostrando a Lua que no momento estava com lagrimas nos olhos e a ponta do nariz vermelha, não continha a emoção, não tinha palavras – você aceita esse idiota insuportável que te ama mais que tudo, para sempre? – abriu a caixinha mostrando duas alianças douradas e ainda mais perfeitas que as outras que tinham.

9 comentários:

  1. que coisa mais linda
    ass Sofia

    ResponderExcluir
  2. saudades da web

    ResponderExcluir
  3. Aham ?
    No capitulo passado ele nao tava brigando com o Nando ? o.O

    ResponderExcluir
  4. Fanny, vc pulou 2 capitulos! Hahhaha

    ResponderExcluir
  5. ameeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei

    ResponderExcluir
  6. o Thur não tava brigado com o Nando, fiquei confusa agora

    Ana

    ResponderExcluir
  7. Ana Clara s226/12/2013 23:09

    Esse capitulo tá lindo!!!!Mas, eu realmente acho que você se enganou flor!!! *_*

    ResponderExcluir
  8. Lindo mais eu n intendi

    ResponderExcluir
  9. To meia confusa. Mais ta bom posta mais +++++

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo