17 de nov de 2013

Meu vizinho Insuportável 3ª Temp.

 

Capítulo 23



Nando: vivi se você não quer me contar, tudo bem, mas você precisa contar para a mamãe ou o papai... não pode ficar assim... se foi o Matt que te fez mal eu juro que vou matá-lo – cerrou os punhos

Vivi: não.... eles já estão com problemas de mais Nandinho, não serei mais um pra eles... e nem pra você, me deixa – continuou mirando um ponto fixo ao nada

Nando: merda... tudo minha culpa... – abraçou a irmã que apenas aceitou o abraço do irmão gêmeo – se eu descobrir o que houve, eu vou me vingar por você – a apertou em seus braços

Vivi: eu quero morrer Nando... – afundou o rosto no pescoço dele

(...)

Arthur: o que foi isso? – olhou sério pra Lua e andou até o banheiro abrindo a porta do mesmo e Lua  fechou os olhos quando viu que ele olhou Renan sem camisa escondido no banheiro e olhou pra ela decepcionado – eu sou mesmo um idiota... um idiota – bateu a porta do mesmo, a olhou nos olhos com magoa e saiu feito um furacão do quarto

Lua: Thur... Arthur espera – correu atrás dele e o alcançou na escada segurando o braço dele – por favor, me escuta

Arthur: me solta, o que você quer? Tentar me explicar o que aquele cara fazia escondido no seu banheiro? Não Lua, não tem explicação – se soltou dela – eu... eu nem sei o que dizer..

Lua: por favor... me deixe falar... eu ....

Arthur: ta bom, eu quero escutar – assentiu a olhando – o que você tem a dizer? Vamos, diga – a encarou, ela baixou o olhar soltando algumas lagrimas – viu? Você não tem nada a dizer... eu sinto muito Lua, mas não te conheço mais... por favor... não venha atrás de mim – desceu as escadas saindo da casa e Lua voltou para o quarto

Renan: Lu... desculpa, foi sem querer eu não queria...

Lua: não importa – continuou de cabeça baixa se abraçando, estava sentindo um frio, um vazio enorme, e as lagrimas presas a ponto de sair

Renan: carinho.... eu não gosto de te ver assim – a abraçou e Lua não se conteve em um choro baixo enquanto ele acariciava seu rosto e cabelos – me deixa te ajudar meu anjo... me dói te ver assim – segurou os dois lados do rosto dela que apenas deixou que ele tomasse seus lábios, a beijando com calma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo