5 de jul de 2013

Uma lição de Amor - Capítulo 27. - Parte 1.


"Eu não sei oque fazer, mais vou fazer oque o meu coração mandar"


Depois voltamos da minha antiga casa, eu e o resto do povo resolvemos passar a noite no boliche, Bati três Strikes e eu quase levei um tombo, sorte que o Will me segurou, Sophia acabou quebrando a perna na hora de jogar a bola e a Ane foi a que mais bateu strikes quase empatando com o Micael. No final acabamos dormindo no apartamento dos meninos e sim. Eu e Arthur transamos. Não é bem que foi por acaso estávamos bêbados, depois do boliche acabamos indo para um pub e bebemos todas, Chay e Mel dançaram na pista igual uns loucos e a Mel quase vomitou em cima dele e o Micael foi o que mais riu junto com a Sophia. Já tinham se passado três dias que voltamos pra Londres, e voltaríamos daqui a quatro dias. Era quinta feita e Londres nevava muito e ainda por cima ventava. Mel e a Ane estavam na casa da mãe, e os meninos ensaiando em casa. Eu e Sophia aproveitamos para alugar uns filmes e comer chocolate de baixo do cobertor no quarto dela. Fizemos chocolate de panela pipoca, pegamos algumas latinhas de coca cola e deitamos na cama por baixo do edredom

- Ok, que filme você quer ver primeiro? Marley e eu, Lua nova, Titanic, Alaska, A última música...
- Lua nova! - Falei batendo palmas empolgada, aquele era o melhor filme da saga pra mim. O Final era perfeito. - Ok Lua nova – Ela disse colocando o filme e se jogando de baixo do cobertor junto comigo
- Cara, eu não sei porque o Edward abandona a a Bella, é sério, isso é idiotice, eles sofrem o filme inteiro, e no final ele acaba voltando pra Forks e ainda pede ela em casamento.
- Sô, todo filme tem seu drama, mais todo o sofrimento valeu a pena, ele pediu ela em casamento no final, eu achei super fofo, por isso é o meu preferido
- Mais Lua, isso é idiotice , ele ama ela horas, custa ele levar ela junto?
- Mais se ele levasse ela, ela ia viver uma vida diferente do que ela vivia, e ele não queria estragar a vida dela
- Mais acabou estragando, no amanhecer ele transforma ela
- Por que ela tava morrendo
- Por que ele resolveu fazer therethethe com ela humana e ela acaba engravidando
- SOPHIA
- Oque?
- Cala a boca!
- Tá... eu hein – resmungou

Alegrias violentas, tem fim violentos  falecendo no triunfo, como fogo e pólvora que num beijo se consomem...

Lua, oque você quer fazer quando ficar velha? - Sophia perguntou em quanto via a Bella sonhando com a velhice e eu franzi o cenho achando a pergunta meio idiota
- Ser uma velha? - Assoei – A Sei lá, acho que tá do lado da pessoa que eu amo, dos meus futuros filhos, quem sabe até netos...
- E essa pessoa seria o Arthur?
- Se eu tivesse que escolher isso agora, e me perguntassem mil vezes, eu diria que sim. Mais ninguém sabe oque o destino prepara pra gente, não sei se até lá vamos está juntos, mais é o que eu quero...
- Que lindo... Eu acho o amor de vocês dois tão...
- Tão...?
- Ah, sei lá, lindo? Sincero, as vezes eu acho que vocês nunca vão se separar, que vão ser pra sempre
- E você, também acha isso com o Micael?
- Lu, ele é o amor da minha vida, eu não consigo viver sem ele, ele faz parte de mim. Eu nunca tinha sentido isso antes.
- Nem pelo Louis?
- MEU DEUS, VOCÊ LEMBRA DELE?
- Não tem como não lembrar Sô, ele era o amor da sua vida quando a gente tinha 16 anos, desde que eu cheguei aqui e viramos amigas, você só falava dele
- Verdade.... Louis foi o meu primeiro amor, mais acabou.... O Micael não, eu tenho certeza que eu o amo.
- Lembrando de quando a gente conheceu eles, ele era um nojento
- Verdade, lembra? Eu odiava a Mel
- Você implicava tão com ela Sô
- Lu, eu tinha meus motivos poxa
- Hm, motivos ou ciumes?
– Quer mesmo falar sobre isso?
- Não mesmo. - Eu ri
- Iai você acha que conseguiu tirar nota boa na prova de estilista?
- Não sei, mais o Nick me ajudou muito, eu devo muito a ele...
- Ás vezes eu acho, sei lá, que o Nick gosta de você
- Tá louca? Sophia ele sabe que eu amo o Arthur
- Eu sei Lu, mais ninguém manda no nosso coração
- Seria melhor se mandássemos.
- Você acha que foi bem na prova?
- Não sei... mais tomara! - Suspirei
- E você?
- Não faço a mínima ideia! - Sophia suspirou e nós ouvimos a campainha tocar Sô resmungou enfiando a cara no travesseiro e eu fiz careta, sua vaca preguiçosa  eu que vou ter que ir lá atender, tomara que a preguiça toda dela deixa ela colada na cama – Deixa que eu atendo – Falei resmungando me enrolando no cobertor indo até a sala e abrindo a porta, nossa era o correio, e eu tava com a cara mais feia e amassada de todas. Que vergonha Lua! Que vergonha!

- Srta Lua Blanco? - Perguntou conferindo na prancheta e eu estranhei o fato de ter imcomenda pra mim
- Sim sou eu – Falei engolindo a saliva com a mão na porta e ele me entregou um buque de camélias azuis, meu Deus era lindo. - Por favor assine aqui... - Ele disse me entregando a prancheta e eu assinei ainda confusa, e por último ele me entregou uma carta e eu agradeci fechando a porta abrindo o bilhete e o lendo rapidamente ainda não acreditando em cada palavra que continha ali

- Flores? - Sophia apareceu descalça na sala eu olhei pro buquê confusa
- Parece que sim...
- Waan que lindo, o Arthur é tão fofo, queria que o Micael fosse assim também... - Sô disse em quanto eu abria a carta
- Sô...
- Oque?
- Não são do Arthur... - Mordi o lábio inferior e ela me olhou confusa
- Como assim, se não são deles de quem são?
- Da faculdade de Glasgow na Escócia, eu recebi uma proposta pra terminar minha faculdade de moda por lá durante um ano, e eu ainda vou te a oportunidade de ser indicada por vários estilistas famosos por lá – Disse engolindo o seco fitando a carta e eu vi o chão da Sophia cair junto com o meu. 
- Co-como é? Vo-você vai? Lu, você vai? Ela tinha a voz calma ainda em estado de choque
- Ainda não sei... Mais foi a própria Right School que me indicou, acho que foi por causa das minhas últimas provas, tecnicamente eu devo ter tirado dez. Tenho até sábado pra responder
- Nós vamos ir embora pra Itália domingo, Lu, por mais que eu não quero que você vá, você tem que ir, é uma oportunidade única pra sua carreira, e só Deus sabe quando você vai poder ir pra outro pais estudar numa das melhores faculdades, ainda mais na Escócia..
- Mais eu gosto da Right School Sô, e eu não quero ficar longe do Arthur durante um ano, ainda mais sem vocês, Sô a minha vida tá aqui, com vocês.
- Lua, sua vida sempre vai tá aqui, mais você tem que arrumar seu futuro, ser boa na sua carreira, depois você volta, é só um ano
- Como se fosse pouca coisa, você aguentaria ficar longe do Micael durante um ano Sô?
- Lu, eu não aguentaria, mais eu ia fazer isso, porque é o meu sonho, e eu sei que é o seu também, eu não tive essa oportunidade e eu não vou deixar você estragar a sua por causa disso.
- Mais...
- Mais nada Lua, pensa bem ok? Não joga seu futuro pro alto assim...E se o Arthur te ama de verdade, eu sei que ele vai entender.
- TÁ TÁ, eu sei, mais eu prefiro tomar essa decisão sozinha ok? Agora por favor, não conta nada disso pra ninguém, muito menos pro Arthur... Promete?
- Ok...eu prometo
- Vem, vamos voltar a ver o filme! - Joguei a carta em cima da mesinha da sala e puxei a mão da Sophia voltando pro quarto
....

Não consegui prestar atenção mais em nada, enfiei minha cara no travesseiro e fiquei pensando o filme todo, a Sô meio que entendeu e não tocou mais nenhuma palavra comigo, durante o jantar ficamos ainda em silêncio, até que o Arthur me ligou e eu exitei antes de atender, eu senti, medo? Meu Deus eu era muito covarde, Sô fez sinal com a cabeça para que eu atendesse eu concordei balançando a cabeça

Alô?
Oi princesa, iai?
Tudo bom?
Aham, e os caras compomos umas músicas novas para tocamos na turnê Wanderland, que vai ser encerrada no Japão
Ham... - Eu falei, sempre me incomodava com o assunto "Japão"
Bom amor, eu só liguei pra ver como você tava, vou dormir por que to morto, beijo te amo
Tchau.. também te amo – Sorri triste e desliguei o telefone

Ele só ligou pra ver se tava tudo bem... falou que ia dormir agora, - Disse mexendo no celular e a Sophia arregalou os olhos – Ainda são oito e meia! - Falou de boca aberta e eu ri
- Sophia!, eles estão cansados ensaiaram o dia inteiro, tadinhos!
- Aham... Por isso que é ruim ter namorados famosos, eles sempre acabam gastando "energia" pra outra coisa - Ela disse saindo da sala com um copo de água e eu ri sozinha;

Fui pra sala enrolada no cobertor e liguei em algum canal de séries, tava dando tho and a of meen, legal, era tudo oque eu precisava agora, RIR. Mais por mais que eu me distrai-se  aqueles pensamentos não saíam da minha cabeça. Escócia  Escócia, Escócia. Eu gostava da minha faculdade na Itália, que daqui a quatro meses acaba e eu voltaria pra a daqui de Londres mesmo, eu não queria sair de perto da Sô, nem da Mel e nem da Ane, e muito menos dois meninos e ainda mais do Arthur, eu não me imaginava um ano sem eles, não sábia como seria minha vida por lá, se fazeria amigos, se eu me acostumaria com a cultura, mais eu tinha que pensar que a Escócia iria me da um futuro melhor, a faculdade de moda por lá é uma das melhores e eu ainda seria indicada no mundo da moda para várias grifes de marcas, mais por mais que doesse ficar longe de Londres e da Itália. Peguei a carta na de novo e li novamente, se mamãe estivesse aqui oque ela faria?

Um comentário:

  1. ain' será que a Lu vai aceitar???morrendo de curiosidade pra saber logo!!!

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo