1 de jul de 2013

Uma lição de Amor - Capítulo 20.


"Flying away"




Já eram pra eles ter voltado Micael - Sophia abraçou o namorado de lado e ele a abraçou forte.
- Calma Sô, eles só foram buscar as bebidas.
- Acontece Micael, que a festa já acabou e nada deles.  - Verdade.... Será que aconteceu alguma coisa? - Micael perguntou confuso.
 - Só pode. - A Lu ainda não chegou? - Will desceu as escadas apenas de chinelo com uma bermuda chadres e uma regata preta. - Não... - Sophia respondeu preocupada. Olharam pra porta assim que a maçaneta girou. - Arthur ajudava Lu a andar apoiando-se nele. A garota estava com alguns ematómas e uma bota ortopédica no pé. - Will franziu o cenho ainda confuso. - Mais oque aconteceu? - Perguntou correndo até Lu e ajudando a sentar no sofá e ela assentiu com a cabeça. - Precisamos ir embora daqui Blanco! Aquela cara veio atrás da Lu! Arthur disse sério olhando pra Will
 - Como é que é? - Will franziu o cenho com raiva. - Eu mato aquele desgraçado! - Rosnou
- Eu mesmo iria tratar de fazer isso mais o desgraçado conseguiu fugir. - Arthur bufou.
- Amiga você tá bem? - Sophia veio em direção da garota que assentiu com a cabeça. Setou-se ao lado de Lu para fazer companhia.
- Não se preocupe baixinha, nós vamos pegar ele! - Will a abraçou a ela sorriu. - Eu sei que vão... - Me aninhei em seu peito e ele sorriu. - Acho que vou subir, descansar um pouco. - Tentou levantar e acabou soltando um "Ai".
- Lu você não pode fazer esforços! Não viu oque o médico disse? - Arthur manteve a voz autoritária fazendo Lu rir. - Vem eu te levo! - Disse colocando a mão de Lu em seu ombro para que ela se apoia-se. - Subiram as escadas da mansão com cuidado até chegar no seu quarto. - Arthur colocou Lua na cama ajeitando alguns travesseiros pra que ela se sentisse confortável  - Logo depois sentou-se na beira da cama a olhando. - Me desculpe por isso, eu não deveria ter te deixado no carro, ainda mais a noite. - Arthur mordeu o lábio inferior com uma voz de culpa. Lua segurou em sua mão que estava quente. Mãos sempre quentinhas e macias. - Pensei.
 - Não foi sua culpa
- Lu, eu sei que foi...
- Não, não foi Arthur. A Culpa é minha!
- Por que tá falando isso? Arthur franziu o cenho confuso.
- Por que depois que ele fez aquilo comigo anos atrás... Eu tentei fugir quando estava no andar de cima no terraço eu estava correndo e a irmã dele estava perto de mais do precipício e sem querer eu a derrubei. -Lua abaixou a cabeça e Arthur notou que uma lágrima solitária descia sobre o rosto da menina que logo tratou de limpa-la.
- Oh Lu, não fica assim... Não foi sua culpa... - Arthur a abraçou forte fazendo a menina se aninhar em seu peito. - Eu não aguento mais isso Arthur... Eu não aguento mais... - Lua chorou. - Não fica assim pequena. Nós vamos pegar ele.Eu prometo.

- Er... Posso entrar? - Will bateu na porta sem jeito e Lua olhou pro irmão ele riu de suas bochechas coradas. - Claro molengo... entra ai! - Lua disse saindo dos braços de Arthur e sentando na cama. Will se aproximou da irmã e olhou pra Arthur que logo se mancou que ele queria falar com Lu em particular.
- Er... Eu vou tomar banho! -  Falou sem jeito dando um selinho rápido em Lu que assentiu com a cabeça. Logo em seguida que Arthur saio Will deu um sorrisinho triste se sentando do lado da irmã. - Como você tá? - Perguntou olhando a menina que parecia triste. - Só preciso de carinho... Só isso... - Lu disse abraçando o irmão que logo a abraçou e alisou seus cachinhos. - Não fica assim Lu, nós vamos pegar aquele desgraçado! - Disse culpado.
- Eu quero minha mãe Will... Eu quero o papai aqui comigo... - Sua voz saio quase num sussurro fazendo o garoto extremecer mais ainda. - Eu também queria pequena! Mais é a vida não é? - Will olhou para a menina que deu um sorriso triste.
- Eu sei quem os assassinou naquela noite Will. Eu eu sei...
- Que-quem? -

[...]

Praia de Corsana - Costa azul Itália.  - 12:35

Ideia boa sua de saímos um pouco pra passear! - Mel sorriu em quanto andava de mãos dadas com Chay caminhando sobre areia fina e quente da praia. - O Clima lá não tava muito bom... E nós não podiamos ficar trancafiados naquela mansão o dia todo. A Praia de Corsana é uma das melhores da Itália. - Chay sorriu. - Como você sabe? - Mel perguntou arqueando uma de suas sobrancelhas fazendo o menino rir. - Viemos pra uma Turnê com a Banda ano passado. Lembra? - Aé... - Mel sorriu sem graça. - Em falar em turnê, você bem que podia vir com a gente na turnê pelo Japão né? - Chay sorriu malicioso segurando a cintura de Mel que sorriu. - Seria uma boa ideia Suede. - Disse mordendo o canto da orelha de Chay fazendo corar. - Caminharam até um quiosque em frente a praia pedindo uma bebida. Chay tomou o primeiro gole de seu suco de laranja com canudinho de guarda-chuva achando ele que aquilo era a coisa mais divertida do mundo. Mel bebia seu suco de uva com canudinho personalizado assim como de Chay. A verdade é que eles amaram aquele simples idiota canudinho que eles só encontravam ali.
-AI MEU DEUS É O CHAY SUEDE DOS MCFLY! - Uma garota gritou do outro lado do quiosque fazendo Chay levantar rapidamente assustado. - Ai céus e agora? - Olhou pra Mel que tinha aparência assustada. - Tarde de mais! Ele não tinha nem um segundo a mais para pensar. O Quiosque estava lotados de fãs o rodando.  Ele não sábia se ria ou se assustava com a o bolo de fãs que o rodeava.

- Chay me da um autógrafo? - Chay aqui por favor tira uma foto? - Cadê o Arthur??? O Micael? Chay cadê o Will? - Por que sumiram? - CHAY AQUI TIRA UMA FOTO? - Chay por favor me da um autógrafo.

Mel observava tudo de longe chateada. Aquele seria um encontro só deles. E tudo estava arruinado já que as "Fãs" tinham descobrido seu esconderijo.

Mansão : 12:38 da tarde

Foi ele Will... Eu tenho certeza. Quando os assassinos entraram dentro de casa eu foi até a escada. Era um homem e uma mulher com máscaras. - Disse o fitando. - E oque isso tem haver com ele? - Perguntou confuso. - Quando o Adam me pegou ontem ele estava junto com uma mulher.
- E essa mulher seria a mesma que ajudou a matar a mamãe e o Josh? - Will completou e eu assenti com a cabeça. - Agora tudo faz sentido... O por que eles nunca foram encontrados pela polícia. - Will abriu a boca e Lu o olhou confusa.
- Como assim?
- Depois que aquele desgraçado abusou de você e você foi pra Londres com o Josh e a mamãe. Eu contratei um detetive. E ele disse que não haviam pista do Adam. Lu ele usa máscaras! Ele tem cada máscara pra cada estrupo.
- Um maniaco? - Lu perguntou franzindo o cenho.
- Sim... é isso!

3 Dias Depois.

- Segunda Feira 7:35 da manhã.

- Iai pronta para o primeiro dia de faculdade na Itália? - Perguntei sorrindo Sô assim que vi ela no andar de baixo tomando café. Só tinha ela acordada naquela casa. Ela e a Clarie que estava na cozinha preparando coisas pro café.
- Prontisima! - Ela sorriu deixando a xícara na mesa e comendo alguns biscoitos. Me sentei ao seu lado colocando um suco na Jarra e pegando um pedaço de Croaçã.
- Faculdade moda lá vamos nós! - Sorri batendo palma. Desde quando era pequena tinha um sonho de fazer faculdade de moda. Ser estilista era uma das minhas grandes habilidades eu tinha jeito pra isso. E Sô também! E esse era um dos grandes motivos por sermos amigas.
- Opa! Não são nossas universitárias responsáveis? - Micael sorriu descendo as escadas junto com Arthur e indo até a mesa de café da manhã e Arthur deu um selinho em mim e Micael deu outra na Sô e eu sorri. - Seu pé já tá melhor Lu? - Arthur me olhou com um olhar preocupado e eu assenti com a cabeça. - Já foi confirmada nossa turnê no Japão! - Micael sorriu mordendo um pedaço de pão e Sô abriu a boca. - SÉRIO? - Foi a única coisa que ela conseguiu dizer.
 - Huhum... - Ele sorriu. - Quando? - Perguntei sorrindo. - Daqui a dois meses Lu' - Arthur respondeu calmo bebendo um gole de suco. - Quantos dias? -Sophia perguntou sorrindo e a face de Micael e Arthur ficaram sérias. - Oque foi gente? - Perguntei rindo. - Não são dias... - A Voz de Arthur saiu num sussurro e eu franzi o cenho os encarando. - OQUE? - A Minha voz e a de Sophia saíram juntas. - Quantas semanas? - Sophia perguntou impaciente. - Não são semanas Sô... São 3 meses - Micael disse com um olhar culpado e o rosto da menina pareceu magoado assim como o meu.  - 3 Meses? - Franzi o cenho olhando pra Arthur que deu um sorriso triste. - A Gente se comunica por webcam e telefone Lu.' - São só três meses. - AHHHHHHH 3 MESES? Arthur Aguiar você tem noção do que é ficar 3 meses em um País cheio de japonesas gostosas? - Pensei.
- Dei um suspiro leve e finalmente o olhei. - Se você diz...! - Disse magoada saindo da mesa de café da manhã e pegando a mochila no sofá. Percebi que Sô me acompanhou. Saímos da mansão e pegamos o táxi em direção a faculdade Hightschool onde ficaríamos estudando lá para o estágio nos próximos 3 meses. Esse foi o motivo de nós termos feito a prova e ganhado a viagem. Para aprender mais sobre a moda Italiana.

Right school - Toscana Itália - 8:05 da manhã. 


Saímos do Táxi nos deparando com a grande imensa faculdade. A Righ school da Itália era enorme! Percebi vários alunos no jardim conversando outros caminhando e alguns já entrando para dentro da faculdade mais badalada da Itália. Nós fazíamos faculdade na Right Sshool em Londres mais a da Itália era coisa mais linda do mundo. Não que a de Londres não fosse. Ela também era linda e enorme. Mais essa era perfeita! 

Sentei em um banquinho próximo ao jardim pegando o Iphone na mochila percebi que tinha uma nova mensagem. Nossa era do Arthur.  
- Lua, vou ir até o banheiro me espera aqui ok? - Sophia disse e eu assenti com a cabeça e abri a nova mensagem.

Você ficou chateada? xx Arthur.
 
Não Arthur eu não fiquei chateada imagina! São só 3 meses 90 dias no Japão com cheia de garotas gostosas dando em cima de vocês. - Pensei. - AI QUE DROGA ESSA BOTA TÁ ME ENCOMENDANDO. Mais que saco! Tudo nessa droga de vida tá dando errado. Nossa que vida hein Lua. Um Namorado famoso cheio de fãs obcecada por ele que agora iria pro Japão. Um maníaco retardado assassino atrás de vocês e por fim oque mais de ruim poderia acontecer?

Er... Oi! - O Garoto de olhos azuis disse sentando ao meu lado e eu corei. CARACA ELE ERA MUITO LINDO.
- Oi! - Falei meiga.
- Você é nova aqui? - Ele perguntou sem graça.
- Sim.. e você?- Perguntei.
- Também... Ele riu. - Iai faculdade de que? Puxei assunto.
- Estilista e você?
- Caraca sério? EU TAMBÉM! - Quase gritei.
 - Eba! Pelo menos já conheço alguém ele riu. - De onde você é? - Ele perguntou rindo.
 - Londres e você? - Perguntei arqueando a sobrancelha e ele deu outra gargalhada. - Que foi? - Perguntei rindo.
- CARACA! Eu também! - Foi a vez de ele dizer e eu cai na gargalhada.
- Nossa no meio disso tudo eu nem perguntei seu nome! - Sorri amarelo.
- Jake Sparks - Ele sorriu. E de repente o sinal tocou me levantei com por impulso com tanta pressa com medo de me atrasar que eu que eu tinha esquecido que eu tinha a maldita bota ortopédica. - Vi Jake se levantar rápido e me segurar para que eu não caísse. Nossos rostos ficaram próximos e ele sussurrou alguma coisa. - Você não me disse o seu nome. - Ele sorriu . - Lua...Lua Blanco! - Sorri olhando diretamente naqueles olhos azuis. 


2 comentários:

  1. vicie parabens posta maiss pff

    ResponderExcluir
  2. hehe...concorrencia arthur!!!kkk

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo