15 de jul de 2013

Minha irmã Adotiva.

 

Capítulo 266.

Lua: Mas como vc conseguiu isso?(arregalou os olhos surpresa, entrando no carro e dando um selinho em Fernando)

Fernando: Já ouviu falar em Internet?(arqueou uma das sobrancelhas, divertido, dando partida no carro)

Lua: Mas e ai, o que disseram?(indagou, mordendo seus lábios inferiores)

Fernando: A mim nada(deu de ombros) Eles disseram que as compras de flores são algo completamente sigiloso e seria uma violação das regras do estabelecimentos transferir informação para  outros  clientes.(revirou os olhos)

Lua: CF –A Floricultura Dos Seus Sonhos (refletiu alto, enquanto pegava um papel sobre o porta treco que continha o endereço do lugar desejado) Obrigada, viu Feh..(molhou os lábios com a língua) Vc tá sendo muito especial pra mim.

Fernando: Que isso amor, eu só to do seu lado, procurando te fazer feliz.(deu uma piscadela para a mesma)

Lua: E pode acreditar, vc ta fazendo...(inspirou e expirou lentamente)

Fernando: ou tentando, néh?!(Deu de ombros, estacionando o carro)

Lua: Porque paramos aqui?(franziu o cenho)

Fernando: Porque chegamos. (apontou a loja uma loja espaçoso com um tintura alternada entre o branco e o lilás)

Óh era muito mais perto do que a mesma pudera imaginar... Talvez uma pista, não?!


CF – Canto Das Flores

A Floricultura Dos Seus Sonhos

Arranjos de flores

Buques

Áureas de flores

E outros

A loira entrou na loja, inspirando uma boa quantidade de ar sentindo o forte cheiro de aromas misturados.

---: Posso ajudar?(indagou uma mulher de no máximo 52 anos com o mesmo uniforme que o entregador da semana da semana passada)

Lua: Claro(mordeu seus lábios inferiores) Ando recebendo a vários meses entregas de flores que  remetem a esse endereço e infelizmente eu não sei dizer qual é o autor desse presente, eu gostaria de saber para que eu posso agradecê-lo.(concluiu com um sorriso cativante nos lábios)

---: Ah sim! Qual o nome da senhorita?(indagou, enquanto marchava ruma a uma bancada com um computador sobre ela)

Lua: Lua Maria.(molhou os lábios com a língua)

---: Bom.( a mirou desconfortável) Receio que não podemos dar essas informações a clientes.

Lua: Mas moça, é importante pra mim.(implorou com os olhos)

---: O cliente pediu pra não ser revelado em hipótese algo, sinto muito.(concluiu cabisbaixo)

Lua: Olha(fechou os olhos procurando se controlar) Eu tenho namorado e eu to recebendo flores de outra pessoa, isso pode causar mortes, entendeu?(arqueou uma das sobrancelhas, usufruindo seu lado dramático)

---: Mortes?(arregalou os olhos, assustada)

Lua: Sim.(colocou uma mecha loira atrás da orelha) E por isso estou aqui , preciso evitar que essas flores chegue até mim.(concluiu com sua perfeita encenação)

---: Impossível senhorita(negou com a cabeça) Os buques chegaram com uma freqüência de um a cada um mês e o cliente pagou nossos serviços por quinze anos adiantados.(Admitiu)

Quinze anos o que? A loira ouvira muito , ou o seu “admirador secreto” era um completo louco?! Havia pagado quinze anos adiantados? Isso queria dizer que haveria de ver muitas rosas ainda em sua vida...

Lua: Senhora, é muito importante pra mim saber quem é o autor desse ato.(se aproximou da mesma) Por favor.

---: Querida, são contra as normas do nosso estabelecimento.(argumentou)

Lua: Mas eu to pedindo pra apenas quebrar essa norma.(implorou com os olhos)

---: Eu posso ser mandada embora.(choramingou)

Lua: Moça , estamos falando de quinze anos de serviços pagos adiantados, estamos falando de uma menina que tem namorado e esta recebendo flores de outro, estamos falando de uma incógnita,vc não vai perder o emprego por me dizer a verdade.(concluiu  desesperada)

---: (coçou os olhos) Jamais diga que fui eu quem lhe deu essa informação, ok?!

Lua: Sem problemas.(um sorriso vitorioso brotou nos lábios da loira)

---: O filho do senhor Aguiar, ele teve faz meses e utilizou dos nossos serviços, parecia realmente apaixonado e a cada mês ele nos passa um e-mail, com uma frase pra cartão(deu de ombros)

Lua: O Arthur?(arregalou os olhos)

---: Óh sim! Acho que esse é o nome dele, Arthur, um rapaz muito bom, se posso lhe opinar.(agora se me der licença)

Lua: Claro.(se despediu com um abraço) Muito obrigada, viu?!

Arthur?! O “retardado convencido”?! O seu “irmão”?!Se recordara automaticamente do dia em que o mesmo lhe revelara a verdade e a loira apenas zombara do mesmo, jurando acreditar que quem lhe enviava as flores eram Pedro... Lua se sentiu uma completa idiota, e indecisa por suas próximas atitudes.

Fernando: Então, meu amor, descobriu quem é seu “admirador secreto”?(indagou, enquanto observava a loira sair da loja)

Lua: Descobrir.(Se limitou a dizer)

Fernanod: Então?(indagou, curioso)

Lua: É o Arthur.(respondeu seriamente)


Mais uma revelação =O

Já estava na cara, né? Ou não? 

5 comentários:

  1. maisss pff apareceu aki no meu painel do blog o capitulo.267 mais eu n to conseguindo ler :-(posta maiss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tinha postado, mas reverti para rascunho porq tava tentando coolocar um gif mas a net não ta ajudando então desisti e postei de novo, ok? Kkkk' =)

      Excluir
  2. Tava na cara sim!!!=P

    ResponderExcluir
  3. Só acho que ta na hora da Lua e do Arthur ficar junto de novo *-*

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo