21 de jul de 2013

A garota do intercâmbio - Cap 37

 

Revenge..


Assim que Soph acabou com o resumo, eu e Mel fomos a acompanhando para a sala. Parece que a fofoca sobre o fim de SoMic tinha se espalhado pelos corredores, já que por onde passávamos, notavam-se os comentários maldosos e especulações sobre o que gerou o fim do relacionamento dos dois. Suspirei e espantei o bando de fofoqueiros que se amontoavam a nossa volta falando ate mais que meu professor de química.  Sophia agradeceu em silencio e liberou mais algumas lágrimas solitárias.

As aulas foram as mais chatas possíveis. Durante a aula de literatura, e que deixe bem claro que era uma das únicas que prestavam naquela escola, meu celular vibrou com uma mensagem :

All about us... ♥

Sorri olhando para Arthur que estava sentado ao meu lado e ele beijou minha palma levemente enquanto eu sorria boba com seu jeito romântico. Suspirei e já nem conseguia mais acompanhar o tal do movimento feminista na literatura. Olhei para o meu agora namorado, observando seu semblante tranquilo e sacudi a cabeça. Como poderia ter me apaixonado tão rápido por aquele garoto? Ah sim, talvez porque ele seja: Meigo, fofo, apaixonante, romântico, amigo e acolhedor. Tá ai os seis motivos.

~~~~~~~~~~~~~~~~~ Halloween Party ~~~~~~~~~~~~~~~~~~


- Oi?! Meninas? - Victória abriu a porta e sorriu a nos encontrar nos aprontando para a festa.

- Hey margarida! Sumida não né? - Falei cutucando sua cintura perfeitamente ornamentada com a maquiagem estilo sexy - morta, seu rosto estava impecavelmente branco e os olhos incrivelmente azul destacados em um azul escuro brilhante.

- Uau, isso é porque 'eu não sei me maquiar - Mel murmurou passando mais e mais camadas de rímel. Estávamos na casa de Sophia, que com todo o seu drama pós fim de relacionamento e amiga depressiva nos chantageou ao máximo para que ajudássemos a ela a recuperar seu ex- futuro namorado. E lá estávamos nós tentando nos aprontar o mais rápido o possível para estar lá antes das 22:00H.

Mel iria de cosplay da tia Sam - Sam (Samara Morgan) o vestido branco com cinza na barra, os cabelos negros brilhantes no rosto, o "ar sombrio" era os olhos contornado fortemente pelo lápis preto e a boca por um batom vermelho brilhante. Sophia iria de Aleera, uma das noivas do Drácula (sim nós combinamos Why?) o vestido rosa com transparências, os olhos bem marcados de preto destacando os olhos azuis, o rosto com um pouco de blush e os cabelos com muito babyliss.  Alexaestava simples de estilo caçadora de monstros do Van Helsing, e eu iria de vampira, o que já era de se esperar certo? Meu vestido imitando uma das noivas do Drácula acho que o nome da criatura eraVerona. Escolhi ela porque ela tinha roupas legais, era incrivelmente lindo o vestido dela. Estava em dúvida entre ela e a outra noiva Mariska, mas por fim escolhi a Verona, Mariska me lembrava uma Egípicia. Voltando deixei meu cabelo solto com um babyliss, mas sem nenhum volume (como nos primeiros capitulos de RBR, 1ª temp.) passei um lápis preto e uns esfumados com uma sombra prateada, por fim muito rímel e um gloss cor de boca mesmo (Ai quantos detalhes Lety * Sei disso sou muito detalhista, I'm Sorry)

- É sim coisinha mais... Morgan. - Ela sorriu passando os dedos pela gargantilha em meu pescoço e sorriu. - tá incorporada uh?

- Chega de conversinha e mimimi meninas, vamos logo! - Alexa se levantou da cama calçando os sapatos.

- Certo miss Valerious, deixa só eu pegar minha bolsa e as chaves do carro. - Sophia se levantou ajeitando o vestido. Por fim saímos do quarto e trancamos a casa. Vinte minutos depois estávamos sorrindo orgulhosas do nosso trabalho na ornamentação da festa.

- Hm, vocês podem ser decoradoras de ambiente, a festa está ótima meninas! - A diretora sorriu animada.

- Obrigada senhora Honeycutt - Sorri e ela ajeitou os óculos se aproximando do microfone.

- Boa noite meus queridos! Primeiramente queria agradecer pelo trabalho incrível das meninas que deixaram essa festa esplêndida! - aplausos - E em segundo lugar... Senhor Digory está me ouvindo? - Ela o olhou com seus olhos raposinos e ele riu.

- Sim querida diretora, continue seu discurso maravilhoso - Ela falou um tanto quanto irônico provocando alguns risos.

- Ótimo. Bom e em segundo, queria pedir para tomarem cuidado com o que farão esta noite. Hoje não sou a Diretora, esta noite somos todos iguais. Só cuidado crianças com a Aids e filhos certo? certo. Tenham uma boa noite - Ela desceu do palco e nós voltamos a procurar os meninos. Até que meu celular toca.

- Hello sweet - Era Arthur - Aonde está?

- Oi! Estamos perto da casa mal assombrada. E você?

- Bem atrás de você minha linda Verona - Eu ri desligando o celular e me virando para ele.

- Olha como é lindo esse meu vampiro estilo TDV.

- Olha como é linda essa minha linda Verona - Ele falou com os lábios pressionados no meu pescoço. - Ah, boa noite meninas.

- Ah ele ainda lembra de nós! - Victória tirou sarro e ele deu língua - Viu meu namorado?

- Tava com os caras visitando a casa das "druidas".  Oi irmãzinha - Ele falou irônico e ela virou os olhos.

- Oi maninho. Beijo até amanhã!

- Hãn?

- Eu não pretendo voltar pra casa hoje, vou dormir na casa do meu amor. Bye meninas. - No fim acabou que cada uma delas foi para um lado e só restando nós dois.

- Hum, como você tá cheirosa. - Ele falou passando o nariz gelado no meu pescoço me fazendo arrepiar

- Vamos dançar Aguiar, antes que isso fique fora dos eixos! - Disse o puxando para meio  a pista de dança.

- Por mim pode ir até pra fora do Trópico de Capricórnio, I don't care baby

- Whatever - murmurei passando os braços pelo seu pescoço. A música era enérgica e ao mesmo tempo sexy, se isso existe. Nos movíamos no ritmo da música com movimentos sinuosos, sem nos separar nenhum centímetro, seus lábios me puxaram para um beijo ardente e sedento, sem parar de dançar ele me empurrou para a parede mais próxima continuando a me beijar, precionando seu corpo febril contra o meu, puxei seu lábio inferior e depois voltei a beija-lo quando as suas mãos passaram de meu quadril diretamente para minhas pernas o afastei brevemente.

- É melhor a-gente p-parar - Sussurrei ainda puxando o ar rapidamente.

- É. E-eu já volto - Ele sussurrou e quando estava saindo voltou e me beijou novamente só que dessa vez com mais calma. - Não saia daqui, vou no banheiro e vou buscar algo para bebermos. Lu...

- Hm?

- I love you

- I love you too - Sussurrei lhe dando um selinho e vendo-o se afastar. Achei que não teria mau algum, então sai daquele ambiente fechado e abafado e andei até o jardim que estava com uma iluminação sombria.

Me sentei em um dos bancos de madeira e fechei meus olhos sentindo a brisa fresca esfriar meu corpo. Erro, um erro muito grande, senti alguém tapar minha boca pressionando algo frio sobre minha garganta.

- Oi docinho você vem comigo agora! - Ouvi a voz autoritária falar no meu ouvido e me remexi de desconforto, só meu namorado podia sussurrar coisas ao pé do meu ouvido, e aquele certamente não era Arthur. Tentei escapar mas o que eu descobri ser uma adaga só chegou mais perto do meu pescoço me fazendo soluçar de medo, deixei com que as lágrimas começassem a rolar e me deixei ser levada pelo mascarado de roupa azul.

Fui arrastada até o meio da floresta que rodeava a escola ainda sentindo a faca no meu pescoço.

- Você lembra Lua, do dia em que me dispensou pelos otários? O dia em que você me fez me sentir humilhado perante o meu pai e os meus amigos? Lembra Lua, lembra? Lembra de mim? Lembra do Mike Dick? Aquele que jurou vingança, ah sim eu sei que você lembra. - Tentei me debater mas ele só me apertou mais contra seu corpo. - Shhh, ah não, seu só quero fazer com você o que você fez com seu namoradinho patético, o Aguiarzinho. Hum, vou te mostrar um homem de verdade Lua. Ah vou sim.

Mordi sua mão e ele me soltou, soltando um grunhido de raiva e eu comecei a correr tão rápido que sentia meus pulmões arderem tanto que fez com que eu ficasse tonta pela falta de ar e me fizesse tropeçar na barra do vestido e cair. Comecei a ver tudo duplo que quando tentei me levantar Mike me segurou novamente dessa vez com mais força, tentei soca-lo mas ele foi mais rápido retirando a gravata e a amarrando eu meu pulso. Tentei gritar mas ele tapou minha boca com uma fita preta e me jogou sobre seus ombros e continuou andando assobiando.

- Ah docinho, você é uma boa corredora, mas não o suficiente pra vencer um jogador de futebol americano. Sabe docinho você é muito gostosa e muito gata para estar com aquele cara. Vou te fazer virar os olhos novamente, mas dessa vez vai ser de prazer. - Tentei chutar ele mas ele irritado me arremessou longe me fazendo bater com a cabeça e com as costas em uma árvore, gemi de dor e comecei a ficar desorientada. - Isso poderia ter sido tão mais fácil Lua - Ele riu e me puxou pelos cabelos retirando a máscara, seu nariz não tinha calcificado bem, estava inchado e nem parecia que ele o tinha quebrado a 9 meses atrás, seus olhos transbordavam malícia e eu o empurrei com as mãos mas ele segurou meus pulsos tão forte e só parou quando ouviu o som de CRAC, eu gritei, mesmo com aquela gravata na minha boca, doia tanto que eu não sabia se chorava por medo ou por dor. - Eu sempre gostei de ouvir você garotas gritando - ele  riu de um jeito estranho parecia até que era mentalmente perturbado. 

- AURH AURH! - Tentei gritar em vão mas Mike começou a dessa  vez me levar pelos cabelos até que chegamos a uma cabana, tremi de medo e tendei gritar de novo até que ele me levantou me segurando pelos ombros se abaixou rapidamente e eu nem percebi que ele tinha pego algo até sentir uma pontada forte na cabeça e apagar, mas não antes de ouvi-lo sussurrar em meu ouvido"Boa Noite Lua"

7 comentários:

  1. Tô super curiosa, posta mais!!!

    ResponderExcluir
  2. Posta mais amore by:BEATRIZ

    ResponderExcluir
  3. posta maaaaaaaaaaaaaaais!

    ResponderExcluir
  4. maisssssssssssssssssssss eu vo morreeeeeeeeeeeeeeeeeeeee maissssssssssssss pffffffffff

    ResponderExcluir
  5. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++ please adoro essa web

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo