4 de jul de 2013

2ª Capítulo: "Tudo por uma promessa"


POV NARRADOR
Ate o dia de hoje, Arthur pensava na razão desconhecida desse jantar. Mas seus pensamentos passaram quando o seu celular tocou…


LIGAÇAO ON

Guga: Arthur, voce não vai acreditar no que eu estou vendo…
Arthur: o que voce esta vendo?
Guga: é a sua namorada…
Arthur: o que tem ela?
Guga: ela esta com outro…
Arthur ri: hoje não é dia 1 de Abril, ok Guga? Vai zo…
Guga interrompe: vem ter ao parque e logo voce verá

LIGAÇAO OFF

Guga era o melhor amigo do Arthur. sabia que de vez em quando, ele tinha aquelas gracinhas, mas hoje a voz dele estava diferente. Seria ou não um motivo de graça?
Arthur saiu de casa, o mais rápido que pode e foi para o parque que o Guga indicou.
A raiva dominou o corpo do arthur, assim que viu a namorada agarrada a outro cara. So conseguiu encher o cara de porrada e ao mesmo tempo, ouvir os gritos das namorada, pedindo para que ele parasse…

Arthur: voce não merece ninguém! – disse ele com raiva

O incrível, é que o arthur nem estava tão triste assim. Mas so tinha raiva por nunca ter dado ouvidos ao seu amigo, que sempre lhe avisou que aquela garota, não era quem ele pensava que fosse.
Foi para casa puto da vida, com tudo o que estava acontecendo agora.

Katia: filho, daqui a pouco é o jantar não é?
Arthur: jantar? Que jantar?
Katia: na casa dos Blanco…
Arthur: ahh, é verdade… sim é. Mas não estou a fim de ir
Katia: que marcação é essa no seu rosto? – disse a mãe pegando o rosto do filho – em que é que voce se meteu de novo Arthur Aguiar?
Arthur: mãe, sabe que mais? Eu cansei!
Katia: cansou de que?
Arthur: eu fiz de tudo por ela, dava tudo o que ela queria, amava-a quando ela queria, dizia o que ela gostava de ouvir e o que é que ela faz comigo? Me trai! – disse ele com raiva, quase chorando
Katia: voce ta falando d…
Arthur interrompe: nem fala o nome dela. Eu não quero saber! Não quero nunca mais ouvir falar dela, nunca mais quero ouvir ao menos o nome dela. Acabou! Cansei de sofrer. Quero alguém que me ame de verdade… não quero mais sofrer mãe, dói de mais – ele disse acabando de falar em lágrimas
Katia: oh meu filho – abraçou o arthur – voce é tão novo e já esta sofrendo desse jeito. Eu sempre te avisei para voce ter cuidado… não basta a garota ser linda e dizer que te ama… voce tem de conhecer ela, tem de saber como ela é. Ela tem de saber o que quer da vida, tem de te amar de verdade…
Arthur chorando: mas ela dizia que me amava…
Katia: dizer so não basta…
Arthur: agora eu sei…
Katia: limpa essas lágrimas, se arruma e vai jantar à casa dos Blanco
Arthur: o que será que eles querem comigo? – ele disse limpando o rosto
Katia: não sei… so indo lá é que voce saberá.

Arthur apesar de parecer ser fortao e mauzão, tinha sentimentos… quem não tem? Quem nunca sofreu por amor? Quem nunca “amou” sem ser amado? Pois ele é um exemplo dessas pessoas.

Mas quem sabe a loira batalhadora não lhe abra novos horizontes?
Afinal, segundo a D. Maria, Arthur olhava para a Lua de um jeito diferente… será que ela estava certa?

Às 8:30h da noite, como o prometido, Arthur chegou à casa dos Blanco, com uma caixa de bombons, para ser simpático. Claudia é que abriu a porta ao garoto.

Claudia: que bom que voce veio
Arthur: oi, boa noite – cumprimentou – é para vocês as duas – disse olhando Claudia e Lua, que se aproximava e entregou a caixa
Lua: obrigada, mas não precisava – disse ela falando nervosa
Arthur: oi, boa noite – cumprimentou com dois beijos no rosto – com licença – disse entrando na casa

Os três se dirigiram à sala e enquanto conversavam, bebiam suco de laranja.

Arthur: pois é… o meu avô gostava muito da D. Maria. Era como uma irmã para ele.
Lua: pois… e é graças a ela que voce esta aqui
Arthur: não entendi…
Claudia: a conversa que temos agora, vai ser muito dura…
Lua: é que a minha avo deixou um testamento que pode ficar em meu nome, se duas coisas acontecerem…
Arthur: que coisas?
Lua: eu me casa e ter filhos…
Arthur: meu deus, mas quantos anos voce tem mesmo?
Lua: 19 anos… quase 20.
Arthur: assim como eu. Mas não estou vendo o que eu possa ter a ver com isso…
Lua: a minha avó diz que… - ela respirou fundo – tem de ser com voce

Arthur ao ouvir tal coisa, se engasgou… não poderia estar acreditando no que estava ouvindo. Ele tinha acabado de terminar uma relação, como é que já se iria meter com outra e ainda por cima, ter de casar e ter filhos?

Arthur: como? – ele disse recuperando
Lua: pois… eu sei que não é uma coisa fácil de se ouvir e compreender… mas por favor arthur, eu sei que voce nem liga para a minha existência, mas é muito importante para mim fazer o que tanto a minha avo queria… é uma promessa que eu fiz a mim mesma. Tenho de conseguir realizar o seu ultimo sonho arthur.
Arthur: mas Lua… agente mal se fala e quando nos falamos, voce foge…
Claudia: isso tudo tem uma razão. Agora vou vos deixar a sos – ela saiu
Arthur: que razão?
Lua: é que… - ela respirou fundo de novo – eugostodevoce
Arthur: hãn?
Lua: toda a vez que voce fala comigo e eu fico vermelha e fugo da conversa, tem uma razão…
Arthur: tá, mas que razão?
Lua: eu gosto de voce… - Lua sorriu, seus olhos brilharam
Arthur: voce acabou de se declarar?
Lua: ta, sei que posso parecer muito tola e…
Arthur: eu pensei que voce me odiasse.
Lua: eu te odeio por gostar tanto de voce. Odeio o seu jeito de ser, mas é ele que me chama a atenção.
Arthur: e isso tudo é desde quando?
Lua: desde aquele dia que a minha avo e o teu avô, nos apresentaram um ao outro…

FLASH BACK

D. Maria: vem cá Lua…
Lua: não avó…
D. Maria: Lua Maria, vem cá – ordenou
Lua: ta bom! – a menina se levantou e foi para perto da sua avó – quero que voce conheça duas pessoas. Esse é o meu amigo, como voce já conhece – apontou – e esse é o neto dele, o Arthur Aguiar
Arthur: oi – sorriu simpático
Lua: oi…

Lua ficou sem fala na hora. Deixou inclusive o seu suco cair da mão e molhar todo o seu vestido. Ficou super vermelha e saiu correndo.

FLASH BACK OFF

Arthur ri: digamos que voce esta muito nervosa nesse dia…
Lua ri: muito mesmo. Eu fiquei completamente rendida ao seu olhar e ao seu sorriso. Eram as coisas mais lindas que eu já tinha visto naqueles últimos dias. Lindas mesmo…
Arthur: mas me explica mais sobre isso… - disse interessado – temos de casar mesmo?
Lua: sim… - falou envergonhada – morar juntos e ter o filho – baixou a cabeça envergonhada – ainda não sei muitos detalhes porque tinha de falar com voce primeiro
Arthur: esse seu primo é aquele estranho, o Thiago né?
Lua: sim, é ele… eu não quero que ele fique com tudo o que era da minha avo Arthur, ele não merece. Não mesmo. Ele disse tanto mal da minha avo…
Arthur: tá, mas casar agora é muito louco…
Lua: eu sei, mas eu prometo que depois de tudo estar certo, voce segue a sua vida e eu sigo a minha. e ate te dou uma parte da herança…
Arthur interrompe: não precisa, voce sabe que eu não tenho falta de dinheiro.
Lua: tudo bem, então eu te dou algo em troca, depois nos vemos isso
Arthur: o que é preciso eu fazer mais?
Lua: voce precisa aceitar tudo isso… e manter em segredo.
Arthur: eu preciso de pensar um pouco…


Será que ele vai aceitar a proposta da Lua?
Comentem!

4 comentários:

  1. ele tem que aceitar!!!OMG imagina eles casados...seria incrível d+!!!posta mais...please!!!

    ResponderExcluir
  2. Com Certeza ! Ele tem que aceitar.

    ResponderExcluir
  3. AhhhhhhhhhhhhhhhhhhhMAIIIIIIIIIIIIIIIIIIS

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo