3 de jun de 2013

[MiniFic] Ao pôr do sol..

 

Recordar é viver.. (Parte 01)
"A distância impede que eu te veja, mas não impede que eu te ame.”


Pov's Lua.

Lá estava eu mais uma vez, sentada no sofá com um balde de pipoca, vendo o filme ‘um amor pra recordar’ e chorando profundamente, não sei se é com o filme, ou se é com meu drama amoroso. Bem, você não deve estar entendendo absolutamente nada do que eu estou dizendo, não é? Então o vou explicar. Meu nome é Lua Maria Blanco, atualmente tenho 17 anos. Mas tudo começou aos meus 13 anos, era verão e eu fui para o sítio da minha avó, meus planos era só andar de cavalo, nadar no lago e brincar muito... coisas de criança, mas meus planos foram atrapalhados pelo vizinho da minha avó... Eu me apaixonei.

#FlashbackON 

O sol já vai se por... A maravilha da natureza. Ficar debaixo dessa laranjeira é a posição perfeita pra ver essa maravilha, o vento que meche em meus cabelos e o cheiro de grama recém cortada...

- Olhando o por do sol, olhos lindos? – aquela voz eu reconhecia bem, a voz que vinha ecoando nos últimos dias em meus ouvidos
- É meio obvio, não? – o meu tom não era de uma ironia e sim de uma diversão, e quando me virei para vê-lo, um sorriso brotou em meus lábios instantaneamente
- Acho que só seria obvio se eu estivesse sentado com você – ele também sorria.
- Então está esperando o que? – o sorriso dele se alargou a ouvir a minha resposta.
- Nada – ele respondeu sentando-se ao meu lado e me olhando fixamente.
- Vai me deixar envergonhada se continuar me olhando dessa maneira – eu disse ficando vermelha.
- Mas a intenção é esta – ele continuava a me fitar com seus olhos castanhos intensos
- Eu não entendo – eu disse em conseguir evitar que saísse.
- Não entende o que? – no rosto dele havia dúvida.
- Quando estou com você sinto algo diferente... Algo que eu não consigo explicar – eu disse constrangida, de onde eu tirava tanta coragem?
- Pois eu sinto a mesma coisa e acho que eu sei o que é... – ele disse.
- O que? – assim que eu perguntei a única resposta que ele me deu foi selar seus lábios nos meus quando o sol finalmente se pôs.
- Meu coração será eternamente seu – ele disse me olhando, aqueles lindos olhos cor de chocolate que agora refletiam o céu alaranjado que o sol deixara pra trás.
- Meu coração já é eternamente seu – ela disse enquanto eles se beijavam mais uma vez e enquanto a lua, aquela do céu, surgia pra brilhar mais uma vez.

#FlashbackOFF

Depois de tudo eu e a minha mãe voltamos pro Rio e eu nunca mais vi aquele menino, nem sequer soube seu nome... Nada, era tão frustrante! No verão seguinte ele não morava mais lá, ele desapareceu literalmente. Às vezes me pego pensando se aquilo não foi apenas um sonho. Um lindo e perfeito sonho ao pôr do sol... Mas meu coração ainda era dele, e ainda podia sentir o coração dele comigo.

Não sabia se esse sentimento realmente existia, ou era ilusão da minha cabeça. Mas você deve estar se perguntando, já se passaram quatro anos, porque ela está assim agora? Vou explicar, toda vez que entro de férias eu me lembro dele e hoje foi o primeiro dia de férias com isso entrei em depressão total com a sessão nostalgia.

A fic tem 7 capítulos, bem curtinha né?

4 comentários:

  1. Não tem problema, gosto de webs curtas! E já vi que vou gostar dessa

    ResponderExcluir
  2. já estou amando...e não tyem prolema de ser curtinha...+)

    ResponderExcluir
  3. Maaaais,vou acompanhar cada capitulo,pode ter certeza :D adorei

    ResponderExcluir
  4. ok obrigada por responder

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo