4 de jun de 2013

Minha irmã Adotiva.


Capítulo 186.



Lua: O que estamos fazendo aqui?(indagou surpresa, enquanto abria a porta do carro, e notara que haviam estacionado de frente a uma aconchegante casa afastada da cidade)

Arthur: Vc disse que não queria fazer nada, estou certo?(indagou, enquanto acionava o alarme do carro de “Alexandra” já que uma vez a mesma, voltara para casa com Victor)

Lua: É(se limitou a dizer, curiosa)

Arthur: Pois bem, quando não queria fazer nada eu vinha pra cá(apontou a casa)

Lua: E aonde estamos?(indagou enquanto procurava seguir o mesmo, que marchava rumo a entrada da casa)

Arthur: Aqui(parou ligeiramente para que pudesse visualiza-la) É onde eu ..eu..procurava me refugiar sempre que o mundo me julgava por ser quem eu sou..

Lua: Um “retardado convencido”?(não pode deixar de fazer tal comentário)

Arthur: Um retardado convencido (assentiu, enquanto destrancava a porta)

A casa tinha uma proporção adequada, nem muito grande nem muito pequena, nem muito organizada, nem muito desorganizada, enfim “simples e aconchegante”.

Lua: São dos seus pais?(indagou interessada)

Arthur: Até eu completar doze anos, era( jogou as chaves da casa sobre uma o sofá e se sentou)

Lua: Isso quer dizer que?(prosseguiu)

Arthur: Que eu peguei a casa emprestada e eles nem deram mais falta dela.(concluiu satisfeito)

Lua: Tá brincando?(um sorriso inconfundivelmente doce brotava nos lábios da mesma)

Arthur: Acredite se quiser..(apontou o sofá para que a mesma se acomodasse) Ou melhor pergunte pra Vera, ela sabe do que eu falo..

Lua: Aposto que aqui deve ser um refugio pra suas “ficantes”(sua voz se prolifera completamente distorcida)

Arthur: Antigamente sim, “senhorita ciúmes”(ligou a TV pelo controle remoto)

Lua: Como pode me umas coisas dessas?(Arregalou os olhos)

Arthur: Vc me perguntou, oras.(um sorriso confortavelmente irresistível padeceu sobre os lábios de Arthur) Quer beber alguma coisa?

Lua: Tem comida nessa casa?(indagou surpresa)

Arthur: Claro, Lua..(revirou os olhos não permitindo que seu sorriso morresse)

Lua: Por que não me contou?(prosseguiu com seu “interrogatório”)

Arthur: Porque ninguém sabe que eu tenho essa casa aqui, a não ser o Micael, e o Chay..

Lua: Vo passar a noite aqui(afofou o sofá)

Arthur: Bateu com a cabeça, éh?!(usufruiu a ironia)

Lua: Tá esperando alguém “retardado convencido”?(arqueou uma das sobrancelhas)

Arthur: (Se agachou para que ficasse na mesma estatura da loira) Pequena, entenda que nos ficaremos aqui o tempo que vc quiser, mas teremos que voltar pra casa..

Pequena?! Era impressão sua , ou Lua havia escutado “pequena” sendo proliferada da voz de Arthur?! Não poderia deixar seu coração amolecer..não poderia! Decretou a si mesmo.

Lua: O Pedro (levou a mão a suas têmporas) Como pude me esquecer?! (negou com a cabeça)

Arthur: Tinha que ter o Pedro (revirou os olhos) Lua..Nós estamos conversando..(observando a mesma capturar seu celular)

Lua: Eu sei, “retardado convencido”..(discando qualquer número) Arthur (o mirou) Porque sua mãe disse pra eu não me espantar, hj mais cedo?(indagou em busca de respostas precisas)

Arthur: Não sei Lua (coçou a nuca)

Lua: Vcs não estão me escondendo mais nada, estão?(se precaveu)

Arthur: Que eu saiba não(deu de ombros) Desistiu de ligar pro seu “amiguinho”?

Lua: Quer mesmo que eu ligue?(indagou colocando o celular em seu ouvido)

Arthur: De forma alguma(pegou o aparelho o desligando e o jogando sobre o chão) Nada de celular..

Lua: Ei(o repreendeu torcendo o nariz)

Arthur: O que vamos fazer , hein?!(cruzou os braços) O que vou fazer com essa mocinha..

Lua: O que temos aqui..(pegou uma pilha de DVD’s que matinha sobre a estante)

Arthur: DVD’s Lua, Lua DVD’s..(sorriu divertido)

Lua: Há-Há-Há, engraçadinho (usufruindo da ironia) Gostei daqui (observando minuciosamente cada detalhe da casa) Arthur (algo a mais lhe chamou a atenção)

Arthur: Que foi?(sorriu do espanto da mesma)

Lua: Posso te fazer uma pergunta?(indagou receosa)

Arthur: Acho que pode(franziu o cenho)

Lua: Hoje, por hoje, ok?! Quem é Lara?(indagou apontando o retrato da “menininha misteriosa”, sobre um criado mudo)

5 comentários:

  1. super,ultra,mega anciosa pro próximo capitulo...quero descobrir logo que é lara???(tenho dúvidas mais acho que sei quem é)....=)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lara é a irmã de arthur que morreu por contrair aids de pedro(por isso a raiva de arthur). Lua vai ficar grávida e o filho vai nascer prematuro.

      Excluir
  2. Poxa não conta a história, fica sem graça! Mas enfim, tô adorando, posta mais!

    ResponderExcluir
  3. caraca pensei q era uma antiga mulher namorada... mano nao quero q o filhos da lu nasca prematuro! eu matooo o pedro #soqnao!

    ResponderExcluir
  4. Galera o link pra ler a web original: http://fanfics.com.br/fanfic/14790/minha-irma-adotiva-vondy

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo