16 de jun de 2013

Minha irmã Adotiva.


Capítulo 198.



Arthur se torceu na cama cerrando fortemente os olhos, os fartos raios solares invadiam de forma permeável a toda a extensão do quarto, esticou seus braços apalpando toda a cama e sorriu sozinho ao sentir a pele macia e quente da loira ao seu lado, se virou cuidadosamente na cama e a fitou , era tão linda, tão perfeita, tão especial, era a única capaz de lhe provocar sentimentos completamente adormecidos, a única que fora capaz de odiar e amar cm a mesma intensidade, e no fundo estava feliz por saber que estavam bem e juntos.Deu-lhes um beijo na bochecha e afundou seu nariz na bochecha da mesma inalando aquele cheiro delicioso que exalava da mesma,como aquela loirinha baixinha era tão audaciosa, destemida e cativante, hein?! Indagou Arthur mentalmente a si mesmo.

Lua: Thur está me fazendo cócegas.(se pronunciou com um sorriso divertido nos lábios, sem se quer abrindo os olhos)

Arthur: Por que não me disse que estava acordada?(indagou lhe mordendo a bochecha)

Lua: Porque eu não estava(coçou os olhos os abrindo logo em seguida) Precisamos conversar Thur.(alegou a loira enquanto brincava com o cabelo do loiro)

Arthur: Não Lua, não vamos estragar esse momento, ok?!(deu uma piscadela para a mesma) Depois vc pode me bater, me esculachar e tudo mais, mas não vamos estragar o que estava por viver agora..

Lua:Não amos nos iludir, táh?!(mordeu seus lábios inferiores) Não podemos ter nenhum tipo de relacionamento que ultrapasse o de irmandade.(restringiu a ruiva)

Arthur: Ninguém precisa saber.(opinou o mesmo)

Lua: Nós já tentamos isso uma vez e sabemos muito bem que não trouxe conseqüências muito agradáveis.(alegou a loira)

Arthur: Então vc tá pedindo pra eu esquecer o que aconteceu com a gente?(indagou ,arqueando uma das sobrancelhas)

Lua: Não necessariamente .(um sorriso sem graça brotou nos lábios da mesma) Arthur, sejamos realistas nós nunca iríamos ser um casal normal.(persistiu , se sentando sobre a cama, e levando consigo o lençol enrolado em seu corpo, fazendo com que Arthur se levantasse)

Arthur: E quem disse que eu quero compor um casal normal?(deu de ombros)

Lua: Além do mais vc tem namorada.(persistiu certeiramente)

Arthur: Que ta mais pra uma desconhecida(alegou irreversível)

Lua: Temos seus pais, que nunca seriam de acordo com essa nossa “alucinação”.(molhou seus lábios com a língua)

Arthur: “Alucinação”?(arqueou uma das sobrancelhas)

Lua: Thur, vc me entendeu.(o mirou fraternamente)

Arthur: A única coisa que eu entendo é que sempre que nos reconciliamos vc encontra maneiras e mais maneiras pra provar que não podemos estar juntos.(bufou)Por que não me dá logo um fora e não me deixa em paz, hein?!(coçou sua nuca, se virando de costas para a loira)

Lua: Porque eu não consigo(admitiu envergonhada)

Lua conseguia ser a pessoas mais bipolar que Arthur conhecera, ou talvez confusa e indecisa, não sabia ao certo o que realmente desejava da vida.

Arthur: Vc vai me deixar um completo louco.(passou a mão por toda extensão de seu rosto, se sentando sobre a cama)

Lua: Apenas não quero que ambos saiam machucados disso.(concluiu enquanto se ajeitava no meio da cama e iniciava uma deliciosa massagem nos ombros do mesmo)

Arthur: Não vamos.((alegou o moreno, fechando os olhos a cada toque)

Lua: Thur, nós somos irmãos..(persistiu)

Arthur: (se virando para a mesma)Até quando vc vai insistir nessa historia de nós somos irmãos, hein?!(torceu o nariz) Vc sabe muito bem que não temos vínculo familiar coisíssima nenhuma, e se é o que realmente te importa eu termino com a Carla (propôs)

Lua: Não quero que faça isso, ela gosta demais de vc.(mordeu seus lábios inferiores) Não tem como ficarmos juntos Arthur, não tem(negou com a cabeça não deixando passar em vão sua decepção)

Arthur: Lua, entende caramba. Eu quero vc e não ela.(bufou)

Lua: Talvez pessoas nos outros faz bem a saúde, táh?!(aconselhou o mesmo)

Arthur: Vai mesmo fugir do assunto(cruzou os braços inconformado) Me da pelo menos uma chance (indicou com o dedo) Uma única chance de te mostrar que eu posso ser o homem ideal para vc, hein?!(seus olhos estavam submerso a um imploro, solitário)

Um comentário:

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo