27 de abr de 2013

Meu vizinho Insuportável - 2ª Temp.



Capítulo 86.



Fernando= o que deu pra ele? não foi muito forte não é? Disse pra não fazer nada com o garoto (disse olhando pra Guto e acariciando os cabelos dele que estava adormecido)

Débora= relaxa, eu não fiz nada com ele, queria muito, mas não fiz, ele se comportou direitinho, mas o que vai fazer agora? (deu um beijo no pescoço dele, Alice rolou os olhos)

Fernando= vou conversar com ele, fazer uma chantagem para que não conte nada e digo que o encontrei e salvei, ele vai apenas confirmar, Lua ficara muito grata por ter salvo o filhinho dela, a conheço bem, foi a ajudando que conseguir namorá-la da outra vez agora não será diferente, e como já esta brigada com o Arthur, vai voltar pra mim (disse com um sorriso no rosto) o Guto é fácil de ser enganado, não se preocupem

Alice= você é louco, nem sei porque estou fazendo parte disso, não percebem que aqueles dois se amam? Já fizeram coisas piores com eles, coisas serias e nada fez com que separassem, ok, fiquei com muito ódio deles, mas olha onde estamos chegando? Isso é loucura, e não amor

Debora= loucura é o que eu estou fazendo, por que quem vai se dar bem nisso tudo é você, e na verdade não sei o que essa tal de Lua tem, ela é tão sem graça (fez careta, arregalam os olhos ao escutarem baralhos estrondosos) o...o que.. o que foi isso? pensei que não tinha ninguém aqui

Alice= e não tem, esse prédio esta abandonado, só se alguém te seguiu Fernando (as duas o olharam)

Fernando= eu não sou idiota, vamos logo ver o que aconteceu, esse prédio é tão velho que pode estar desabando (as duas arregalaram os olhos e os três correram para ver o que aconteceu, olharam na escada e viram o velho armário caído la em baixo) como esse armário caiu?

Alice= será que foram fantasmas? (colocou a mão no coração)

Débora= ah Alice me poupe, não seja ridícula (rolou os olhos) isso tava aqui perto, com certeza tava de mal jeito e deve ter caído

Em quanto isso vivi saiu de onde estava e entrou naquele apartamento, não perdeu tempo e  foi ate o quarto onde estava Guto e o mesmo estava acordando.

Guto= vivi? Onde estou? (esfregando os olhos com os dedos)

Vivi= eii ninguém te machucou? Você ta bem? (levantando o rosto do menino olhando todos os lados)

Guto= ai para eu to bem, foi a Alice que me trouxe, e me deu chocolate (sorriu e vivi negou com a cabeça, aquele menino era tão ingênuo que não parecia ser seu irmão)

Vivi= olha eu vou te tirar daqui ok (arregalou os olhos ao escutar passos) gutinho presta atenção, finge que esta dormindo, e eu vou me esconder, não conta pra ninguém que estou aqui ok? (ele assente e se deita rapidamente fechando os olhos, vivi corre pra baixo da cama, logo entram os três)

Debora= sério, isso foi muito estranho (disse franzindo o cenho) tem algo errado

Fernando= bom, tenho que ir, dar apoio a Lua, amanha volto pra pegar o garoto

Alice= eu tenho que voltar para empresa, se não podem desconfiar

Fernando= também vou pra lá, deixei Lua na empresa  e vim, é perigoso deixá-la sozinha com Arthur (deu um beijo em Débora) vamos Alice, te dou carona, e olha lá o que vai fazer Débora... não confio te deixar sozinha...

Débora= não se preocupe comigo queridinho, bye bye (sorriu e fechou a porta, sentou-se na cama sorrindo sarcástica, colocou a mão em baixo da cama e puxou Vivi pelos cabelos, a mesma gritou) há há há há  pensa mesmo que sou idiota não é pirralha? a mim ninguém engana (ainda a segurando pelos cabelos encarou vivi que tinha lagrimas nos olhos fazendo um careta pela dor que estava sentindo)

Vivi= ME LARGA VADIA!!! (gritou gemendo de dor, Guto puxou os cabelos de Débora)

Guto= SOLTA MINHA IRMÃ (batendo nela, Débora soltou vivi com força e a mesma caiu no Chão, empurrou Guto em cima da cama e pegou uma faca que estava próxima, vivi suou frio de medo ao ver que Débora apontava pra ela)

Vivi= o que  vai fazer? (se encolhendo assustada)

Debora= vou te ensinar a nunca se meter comigo pirralha, você se acha não é? Vamos ver agora que esta sozinha  (olhou pra Guto que chorava assustado) e você não venha dar uma de herói novamente.

Vivi= corre Guto, vai embora (disse alto e o menino correu, vivi tentou escapar mas Débora puxou seus cabelos) AAAAAAAA

Debora= não banque a esperta, quero ver sua valentia, estando apenas nos duas, vamos vivi, me bate agora (riu sarcástica, passando a faca no rosto da mesma) você conseguiu quebrar meu dente, que tal eu conseguir desfigurar seu rostinho de porcelana? (vivi chorava de medo)

Vivi= por favor... me solta, eu... eu juro que não conto a ninguém.... eu nunca mais olho na tua cara... e se quiser peço desculpas (Débora riu alto)

Débora= poupe sua saliva, você não me comove (levou vivi ate a sala e a jogou em uma cadeira ainda apontando a faca para a mesma) humm.. ainda vou decidir o que faço com você.

12 comentários:

  1. posta maissssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. posta so mais um hoje por favor ou voce vai me matar de curiosidade

    ResponderExcluir
  3. Pfpf posta mais um hj se naum eu vou ter um treco

    ResponderExcluir
  4. mais++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  5. maaaaaaais por faovor, cara ta muito bom e posta mais Uma família quase perfeita, tudo é questão de tempo e Antes tarde do que nunca?

    ResponderExcluir

  6. MAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
    IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIISSSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  7. mais mais mais, amor voce posta de domingo (amanha) sou nova no blog entao não sei :P

    ResponderExcluir
  8. Livia Ellen28/04/2013 03:07

    Mais! +++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  9. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++ ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  10. Maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais poooooor faaaavoooooooooor

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo