19 de abr de 2013

Meu vizinho Insuportável - 2ª Temp.

  
Capítulo 71..

Lua= amor? Você está bem? (vendo ele abrir os olhos, estava em uma cadeira)

Arthur= Luh? (arregala os olhos e volta a tremer apontando pra Irene, ele abria a boca mas a fala, não saia)

Lua= Thur o que você tem amor? Já estou assustada (segurando o rosto dele, o olhando preocupada)

Arthur= ela, ela é a Ca..Carla

Irene= não senhor, o senhor deve esta enganado, me chamo Irene

Lua= que? Que isso Arthur, você ta alucinando meu amor (toca a testa dele e nota que não esta com febre mas suando frio)

Arthur= não, estou falando a verdade, ela é sim a Carla, tenho certeza, é minha esposa e mãe da minha filha (Lua engole a seco aquelas palavras foram como pancadas em seu coração, Lua então ficou analisando a doutora, tinhas traços parecidos com a mulher das fotos do quarto da Dany) se você esta viva então porque sumiu Carla? Porque não me procurou? Porque não procurou sua filha?

Irene= eu não me chamo Carla (disse certa)

Arthur= não minta pra mim (seus olhos enchem de lagrimas e involuntariamente os de Lua também, ela estava muito desconfortável vendo aquela situação) você sofreu um acidente lembra? (Irene arregala os olhos e da a volta na mesa se sentando em seu lagar e segura uma foto nas mãos que continha ela, seu marido e os dois filhos)

Irene= isso é verdade... eu sofri mesmo um acidente, vou contar pra vocês (Lua não agüentando aquela situação se levanta e vai em direção a porta)

Arthur= Lua Blanco , onde vai? (ela morde os lábios para não chorar, estava se sentindo excluída, Carla ele chamou de minha esposa e a ela “Lua Blanco”, ele nunca a chama assim, respirou fundo)

Lua= meu filho esta com a assistente da doutora... da doutora ai, eu vou te esperar lá fora com ele

Arthur= não Lua, senta aqui (aponta pra cadeira ao lado, Lua suspira e se senta de frente pra ela, mesmo não se sentindo bem, nunca deixaria de estar ao seu lado quando mais precisasse) pode começar, quero saber de tudo

Irene= bom, o que eu sei é que sofri um acidente e fui parar em algum hospital e o Claudio (aponta para o homem da foto) cuidou de mim, vendo que meu caso estava perdido, ele gastou o que pode e o que não pode e me levou para os E.U.A onde conseguiu um tratamento adequado, e me salvou, ele me disse que depois de seis anos acordei sem memória e também não sentia minhas pernas nem conseguia mexer os braços, estava assustada, sem lembranças de nada, então Claudio foi um anjo pra mim, me deu um nome cuidou de mim, e nunca desistiu,  quando finalmente mais 2 anos passaram, com a ajuda dele consegui andar novamente, já estava apaixonada por ele, então nos casamos, eu já estava estudando e ele conseguiu um cargo de psicóloga para mim nessa clinica que é dele, adotamos o Danilo e  resolvi esquecer de vez o passado e viver apenas a partir do dia que abrir os olhos e encontrei aquele par de olhos verdes encontrarem os meus, e é assim que quero continuar vivendo, seja lá quem o senhor for, eu não quero saber nada do passado (disse certa)

Lua e Arthur estavam chocados com aquela história, não podiam acreditar, suas cabeças estavam muito confusas, Arthur não sabia o que estava sentindo com tudo aquilo e Lua sentia um aperto no coração ao ver a reação do marido.

Arthur= mas Carla você não pode...

Irene= IRENE, esse é meu nome e eu posso sim, não quero saber nem se quer quem é o senhor, por favor respeite minha opinião

Lua= não vai querer saber nem da sua filha? (finalmente falou com a voz entrecortada,  fazendo Arthur e Irene a encarar)

Irene= fi..filha? (surpresa)

Lua= é isso mesmo, você tem uma filha, uma linda filha, que por coincidência, esta fazendo faculdade de psicologia (sorrir triste, dany iria adorar conhecer a mãe, e esquecê-la de vez, mas ela tinha esse direito)

Irene= é serio? (com lagrimas nos olhos)

Lua= sim, aqui está uma foto dela (tirou de sua bolsa a foto dos cinco filhos fazendo careta, ela amava essa foto)

Irene= é muito linda mesmo, nossa! São todos seus? (Lua assente com orgulho dos filhos)

Arthur= bom, e você ainda tem chance de recuperar a memória algum dia?

Irene= os médicos disseram que não, mas nunca se sabe, e como eu disse não faço questão, minha filha sim, se me permitirem quero conhecer, pois ela saiu de dentro de mim, isso seria maravilhoso, pois nunca pude ter essa oportunidade

Lua= como não, se tem 2 filhos?

Irene= o Jonas, é filho apenas do Claudio e de sua falecida esposa, já o Danilo, nos adotamos, mas amamos como se fosse nosso, esse acidente me impossibilitou de muitas coisas, até de ter filhos

Moça= doutora, seu próximo paciente já espera. (ela assente)

Irene= bom se me dão, licença tenho que continuar a atender os pacientes, o Luiz Gustavo pode voltar amanhã se quiser

Dul= ok

Arthur= ok, nada, isso não pode terminar assim, você é a .. é a Carla, tem uma vida sabia? Tem uma filha (Lua abaixou a mirada)

Irene= não adianta, meu nome agora é Irene, e a única coisa que quero do meu passado é conhecer minha filha

Lua= então você pode ir almoçar na nossa casa amanhã e conhecer a Daniela, e pode levar seu marido e filhos

Irene= obrigada Lua, se não for incomodo aceito sim (elas se despedem e ainda atônito Arthur volta para casa com Lua) 

11 comentários:

  1. MAIS,POR FAVOR! PERFEITA ESSA WEB U_U

    ResponderExcluir
  2. POSTA MAIS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    E coitada da Lua, ela tava tão feliz e agora a "Carla" reaparece!!!!

    ResponderExcluir
  3. caraca veey mais a lua sofree gzuiis

    ResponderExcluir
  4. Ah por favor né o Arthur n vai se apaixonar por essa Carla de novo n né? por favor, posta mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mais; tô lucy já...

      Excluir
  5. A Dany não perdoou a lua e nem vai perdoar agora com essa ''Carla'' de volta, mas pelo amor, faz essa Carla sumir da vida deles!

    ResponderExcluir
  6. +++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  7. ++++++++++++++++ pf pf pf to a-m-a-n-d-o (Fernanda)bjos

    ResponderExcluir
  8. Tadinha da Lua posta mais

    ResponderExcluir

Não vai sair sem comentar, né?! xD

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo